Paulo Pinto/AE
Paulo Pinto/AE

São Paulo vence o Ituano com gol de Rogério Ceni

Goleiro garante triunfo por 1 a 0 e agora soma 89 gols na carreira; equipe chega aos 15 pontos no Paulistão

Alan Rafael Villaverde, estadao.com.br

13 de fevereiro de 2010 | 18h02

O São Paulo fez o suficiente para vencer o Ituano por 1 a 0 na tarde deste sábado, em Itu, em partida válida pela oitava rodada do Campeonato Paulista, e se manter na briga pelas primeiras colocações. De quebra, o jogo serviu para Rogério Ceni ficar mais perto de sua meta de 100 gols. Agora, o goleiro possui 89.

Veja também:

lista RESULTADOS / tabelaCLASSIFICAÇÃO

som Ouça o gol no Território Eldorado

Além de servir para mais um gol do goleiro são-paulino, a partida foi mais uma etapa da readaptação do lateral-direito Cicinho, que retornou ao São Paulo no começo dessa semana, e estreou na vitória por 2 a 0 sobre o Monterrey (MEX), pela Copa Libertadores, na quarta.

"Eu esperava jogar até o intervalo, devido às condições [físicas] que me encontro, mas deu para suportar até os 28 minutos do segundo tempo, e ajudar o time a somar mais três pontos", comemorou o jogador.

Com o resultado, o São Paulo chegou aos 14 pontos, na quinta colocação provisória, deixando de lado a derrota por 2 a 1 para o rival Santos, na última rodada. Já o Ituano continua com nove pontos, numa posição intermediária na classificação da competição estadual.

CAUTELA

Ciente de que o foco é na Copa Libertadores, o técnico Ricardo Gomes tratou de poupar atletas como Renato Silva, Jorge Wagner, Marcelinho Paraíba e Washington, dando chance para Júnior César, Léo Lima, Marlos e Henrique.

 Ituano 0
Saulo; Rodrigão, Jean Pablo     e João Leonardo; Simão     (Serginho), Alemão, Carlos Eduardo, Alessandro (Luís Eduardo    ) e Juninho Paulista    ; Anderson Ataíde e Jefferson (Lincom)
Técnico: Mazola Junior
 São Paulo 1
Rogério Ceni; Cicinho (Wellington), Xandão e Miranda; Júnior César, Jean, Hernanes (Richarlyson), Léo Lima e Cléber Santana    ; Marlos e Henrique (Roger)
Técnico: Ricardo Gomes
Gols: Rogério Ceni, aos 16 minutos do primeiro tempo

Árbitro: Paulo César de Oliveira

Renda: R$ 165.900,00

Público: 6.953 pagantes

Estádio: Novelli Jr, em Itu (SP)

Como esperado, o time tricolor sentiu a falta de entrosamento, mas não teve com o que se preocupar, já que o Ituano - liderado pelo experiente Juninho Paulista - não soube atacar com mais velocidade e ousadia. Sendo assim, o jogo foi lento e previsível.

Dentro de tal cenário, o São Paulo contou com a afobação do lateral Simão, ex-Guarani e Portuguesa, para garantir a vitória. Aos 16 minutos, Marlos foi derrubado dentro da área pelo jogador do Ituano. Pênalti que Rogério Ceni cobrou com tranquilidade para chegar ao seu 89.º gol na carreira. 11 para a alcançar a meta dos 100 gols.

Com a vantagem no placar, o São Paulo diminuiu o ritmo para evitar o desgaste pelo forte calor. O Ituano, por sua vez, buscava pressionar, mas nada que viesse a assustar Rogério Ceni.

Agora, o São Paulo volta a jogar pelo Campeonato Paulista na quinta-feira, às 21h50, diante do Barueri, no Morumbi, enquanto o Ituano enfrenta o Rio Claro na quarta, às 19h30, fora de casa.

NOTAS

A partida serviu de reencontro de dois ídolos são-paulinos: Rogério Ceni e Juninho Paulista, que fizeram parte do "Expressinho Tricolor", time formado por jovens jogadores que, sob o comando de Muricy Ramalho, venceu a Copa Conmebol de 94 +++ Ricardo Gomes manteve o esquema 4-4-2 +++ Atacante Henrique teve de ser substituído no segundo tempo após levar um chute no rosto +++ Ituano não vence o São Paulo desde 1993.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.