Rubens Chiri|Divulgação
Rubens Chiri|Divulgação

São Paulo vende 46 mil ingressos para jogo contra Toluca

Jogo na quinta-feira abre disputa das oitavas de final da Libertadores

Ciro Campos, Estadão Conteúdo

26 de abril de 2016 | 19h14

O São Paulo pode quebrar nesta quinta-feira, contra o Toluca, pelo confronto de ida das oitavas de final Copa Libertadores, o próprio recorde de público no ano. O clube anunciou nesta terça-feira já ter vendido 46 mil ingressos, número próximo aos 51 mil torcedores presentes contra o River Plate.

A partida contra a equipe argentina é, aliás, a maior presença de público do futebol brasileiro na temporada. A atuação naquela noite, acompanhada pela vitória por 2 a 1, virou exemplo para o time repetir no restante da competição.

"Sabemos que temos que ter a postura dos jogos contra River e The Strongest. O São Paulo tem que jogar com raça e, acima de tudo, determinação. Não podemos tomar gols dentro de casa", disse nesta terça-feira o volante Thiago Mendes.

O confronto com a equipe mexicana será na quinta-feira às 21h45. A partida de volta está marcada para semana que vem, na quarta, no estádio Nemesio Diez. Por se tratar de uma distância longa, com viagem de avião de até nove horas de duração, o clube planeja viajar com até dois dias de antecedência.

O técnico Edgardo Bauza define a equipe na tarde desta quarta-feira em treino no Morumbi. Além da dúvida entre Renan Ribeiro e Léo para o gol, Thiago Mendes e Wesley disputam vaga como volante ao lado de Hudson. Paulo Henrique Ganso volta à formação titular e Alan Kardec ganha a vaga de Calleri, que está suspenso.

LISTA

O clube divulgou na tarde desta terça-feira a relação dos 30 inscritos na fase final da Libertadores. Negociado com o Vitória, Kieza foi substituído por Luiz Araújo, de 19 anos, na lista. "Estou muito feliz com esta oportunidade, porque trabalhei forte para chegar até aqui. É gratificante defender um clube grande", comentou o jogador em entrevista ao site oficial do clube.

Luiz Araújo foi campeão da Libertadores sub-20 no começo do ano e durante o Campeonato Paulista esteve emprestado ao Novorizontino. "Amadureci bastante como jogador e pessoa, então faço uma avaliação positiva deste empréstimo. Cresci bastante. Foi uma experiência proveitosa, que me fez crescer ainda mais, e ajudou no meu processo de formação", disse o jogador, que, por ter herdado a camisa de Kieza, vai usar a nove.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.