São Paulo vira sobre a Portuguesa em jogo 300 de Muricy

Após sair perdendo, time do Morumbi vence por 3 a 1 e se aproxima dos líderes do Brasileirão

Tercio David, Redação

27 de julho de 2008 | 20h02

De virada, o São Paulo venceu a Portuguesa neste domingo, por 3 a 1, no Morumbi, pela 14.ª rodada do Brasileirão da Série A. O jogo foi a partida de número 300 de Muricy Ramalho no comando do time tricolor.Veja também: Classificação e Resultados do Brasileirão Ouça os gols de São Paulo 3 x 1 Portuguesa Jogadores da Portuguesa esperam reação contra Fluminense  Para Muricy, marca de 300 jogos é difícil de ser batida Com o resultado, o São Paulo chegou a 26 pontos, empatado com o quarto colocado Vitória, mas com menos vitórias que o time baiano (8 a 7). Já a Portuguesa, que chega ao seu terceiro jogo sem vencer, fica com 16 pontos e entra na zona de rebaixamento.No meio da semana, o São Paulo visita o Figueirense, no Orlando Scarpelli, na quarta-feira. No mesmo dia, a Portuguesa encara o Fluminense, no Canindé, em busca da reabilitação.No próximo final de semana, o time do Morumbi recebe o Vasco, ameaçado de entrar na zona de rebaixamento, no domingo. Na véspera, a Lusa enfrenta o Goiás, adversário direto na luta para não cair para a Série B, no Serra Dourada.PRIMEIRO TEMPO FRACOEm um primeiro tempo de poucas emoções, devido à forte marcação das duas equipes, quem chegou mais perto de tirar o zero do placar foi o São Paulo.Aos 21, Joílson cruzou da direita e achou Hugo livre na segunda trave. Ele cabeceou firme e Sérgio, meio no susto, espalmou. Na volta, o são-paulino bateu de esquerda e acertou a trave.GOL RELÂMPAGOSe o 0 a 0 persistiu durante todo o primeiro tempo, logo aos três minutos da segunda etapa a Portuguesa mexeu no placar, e numa falha geral da zaga são-paulina.Patrício fez boa jogada pela direita e descolou ótimo cruzamento para o meio da área. A zaga são-paulina ficou olhando, bem como o goleiro Rogério Ceni, e Edno apareceu livre na segunda trave para cumprimentar e fazer 1 a 0, na terceira finalização da Portuguesa no jogo.Como era de se esperar, após sofrer o gol, o São Paulo foi ao ataque, em busca de pelo menos empatar a partida, o que quase aconteceu em dois lances quase seguidos. O primeiro, aos 14, Zé Luis cabeceou, a bola bateu no zagueiro e saiu rente à trave de Sérgio.No segundo lance, no minuto seguinte, Aloisio fez grande passe para Richarlyson, que invadiu a área e bateu firme, na saída de Sérgio. A bola explodiu no travessão.PRÊMIO À INSISTÊNCIA  SÃO PAULO3Rogério Ceni; Zé Luis, Aislan     , André Dias e Joílson; Jean (Eder Luis), Richarlyson, Hugo e Jorge Wagner; Dagoberto (Cazumba) e Aloísio (Eder)Técnico: Muricy Ramalho PORTUGUESA 1Sérgio; Patrício, Bruno Rodrigo, Ediglê e Erik; Dias, Carlos Alberto, Edno      e Preto (Vaguinho); Jonas e RogérioTécnico: Valdir EspinozaGols: Edno, aos 3, Hugo, aos 16, Dagoberto, aos 25, e Eder Luis, aos 39 minutos do segundo tempo.Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)Renda: Não disponívelPúblico: Não disponívelEstádio: Morumbi, em São Paulo (SP)A insistência do São Paulo deu certo. Aos 16, Dagoberto fez boa jogada pela direita e cruzou para o meio da área. Mesmo marcado, Hugo conseguiu cabecear meio torto. A bola quicou no gramado e acabou entrando no ângulo, sem chance para Sérgio.O São Paulo manteve o ritmo e chegou à virada quase que na marra. Aos 25, em uma jogada bastante confusa, Hugo arrancou pelo meio, trombou com Aloísio na entrada da área e foi desarmado na marca do pênalti por Ediglê. Mas a bola sobrou limpa para Dagoberto bater com o gol vazio.Após a virada, o São Paulo tratou de deixar o jogo muito parecido com o que aconteceu no primeiro tempo, marcando forte e tocando a bola. Mas ainda sobrou oportunismo para ampliar o placar e dar o golpe de misericórdia na Portuguesa.Aos 39, em contra-ataque rápido, Dagoberto recebeu na esquerda e passou para Eder Luis - que havia entrado pouco antes no lugar de Jean. Ele dominou e bateu no canto direito de Sérgio para da início à festa da torcida no Morumbi.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.