São Raimundo quer manter vantagem

O técnico Aderbal Lana deixou transparecer, pouco antes de o São Raimundo embarcar para São Paulo, que seu time entrará em campo determinado a manter a vantagem conseguida no jogo de ida, em Manaus, quando derrotou o São Paulo por 2 a 0, pela Copa do Brasil. "O São Paulo é um dos 20 melhores times do Brasil. É preciso muito cuidado", disse cauteloso. A tática de intensa observação que deu certo no primeiro jogo, desta vez foi prejudicada. O próprio treinador do São Raimundo mostrou-se frustrado com as modificações feitas pelo técnico Oswaldo Oliveira nas duas últimas partidas do tricolor. "Ele usou praticamente dois times diferentes e com esquemas táticos também diferentes", lamentou Lana. Com isso, só restou ao treinador manter praticamente a formação que derrotou o São Paulo no primeiro jogo. O que ele garante mudar é o esquema tático. Em Manaus, o São Raimundo foi cauteloso mas em momento algum deixou de procurar a vitória. Em São Paulo, Aderbal Lana confessa estar mais preocupado em não perder com diferença de dois gols, o que levaria o resultado para os pênaltis. Se conseguir empatar, já estará muito bom. Isso, segundo o técnico, é porque o clima do jogo será muito diferente na capital paulista. Enquanto em Manaus o apoio da torcida foi grande, apesar de o São Paulo ter levado muitos torcedores ao estádio, o mesmo não acontecerá no Morumbi. "Teremos todo um estádio e mais um time do porte do São Paulo contra nós. Mesmo assim, acredito que voltaremos classificados", disse.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.