Rubens Chiri/São Paulo FC.net
Rubens Chiri/São Paulo FC.net

SBT se aproxima de acerto para transmitir jogos da Copa Sul-Americana; RedeTV! também está na briga

Emissoras de São Paulo disputam a exibição da competição sul-americana, que por enquanto vai passar apenas no pay-per-view

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

26 de outubro de 2020 | 11h19

Faltando pouco mais de 48 horas para o início da segunda fase da Copa Sul-Americana e para a estreia do São Paulo na competição, SBT e RedeTV! disputam a compra dos direitos de transmissão da competição da Conmebol. Por enquanto, os jogos vão ser exibidos apenas na Conmebol TV. A emissora de Silvio Santos é quem está mais próximo de um acordo e o anúncio do acerto pode acontecer nas próximas horas.

As duas emissoras já negociam com a Conmebol há pelo menos duas semanas. Mas o interesse se intensificou com a participação do São Paulo, que entrou no torneio após ser eliminado da Libertadores semana passada. Além do time paulista, Vasco e Bahia são as outras equipes brasileiras no torneio.

O SBT leva vantagem na disputa por ter chegado primeiro à mesa de negociação, tem uma oferta melhor e um bom relacionamento com a Conmebol. A entidade que comanda o futebol do continente está satisfeita com a forma com que a emissora tem exibido a Libertadores, principalmente em relação ao fato de dar destaque para as empresas patrocinadoras do evento. 

Além de SBT e RedeTV!, a Rede Globo e a Band chegaram a demonstrar interesse, mas as conversas não foram adiante. A ideia é tentar um acerto para a exibição dos jogos já nesta quarta-feira, quando o São Paulo visita o Lanús-ARG e o Vasco pega o Caracas. O SBT deseja exibir as duas partidas. 

Mesmo se não tiver acerto para os jogos desta quarta, as negociações podem continuar para o jogo da volta ou oitavas de final caso as equipes brasileiras continuem na competição. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.