Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Scarpa comemora gols pelo Palmeiras e diz que foi massacrado no Fluminense

Meia marcou dois golaços em vitória alviverde sobre o Ituano, no domingo

O Estado de S.Paulo

12 Março 2018 | 07h00

Com dois gols, um em cada tempo, Gustavo Scarpa foi o destaque da vitória do Palmeiras sobre o Ituano, por 3 a 0, neste domingo, em Itu. O jogador saiu satisfeito de campo e disse que os gols ajudam a dar confiança ao time de Roger Machado. Ao ser questionado sobre uma possível nota sobre a sua atuação, o atacante brincou e foi direto. 

+ Roger elogia garotos da base após vitória do Palmeiras sobre o Ituano

"Acima de sete, com certeza. Perdi uma oportunidade no final, mas fiz uma boa partida, tive chutes de fora da área, fui feliz em duas finalizações. Mas estou feliz principalmente pela vitória e pelo Palmeiras ter terminado na primeira colocação geral. Tenho uma vontade muito grande de marcar um gol, ou dar assistência. Todo mundo me ajudou bastante aqui, espero conseguir marcar mais gols".

Scarpa lamentou ainda a forma como foi tratado pelo Fluminense, seu ex-clube, e a polêmica transferência para o Palmeiras, no início deste ano. Alegando, principalmente, salários atrasados, o jogador procurou respaldo no Poder Judiciário para ser negociado. O clube carioca chegou a emitir uma nota oficial criticando sua postura. O atacante também foi criticado por ex-companheiros.

"Tive um momento delicado nesse final de ano, fui massacrado de muitas maneiras. Mas estou muito feliz, porque Deus me abençoou com pessoas muito boas perto de mim. Sei dos meus motivos, da minha razão. Estou muito feliz, vou continuar de cabeça erguida, lutando pelos meus sonhos. Devagar, conquistando meu espaço, sem passar por cima de ninguém", completou.

Mais conteúdo sobre:
Palmeiras Gustavo Scarpa Fluminense

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.