Cesar Greco/Ag.Palmeiras
Cesar Greco/Ag.Palmeiras

Scolari pede que Palmeiras mantenha atenção contra o Cerro Porteño

Técnico prega que time mantenha o foco e que o torcedor 'não se empolgue pela imprensa'

O Estado de S.Paulo

27 Agosto 2018 | 05h00

A vitória do Palmeiras por 2 a 0 sobre o Cerro Porteño no primeiro jogo das oitavas de final da Copa Libertadores não impressionou Luiz Felipe Scolari. Ao contrário, a vantagem gerou uma certa preocupação no treinador. Na próxima quinta-feira, no Allianz Parque, as duas equipes se enfretam novamente na partida de volta. Desta vez, o clube brasileiro pode perder por até um gol de diferença para se classificar. 

"Tem que ter calma. Meu torcedor que não se deixe empolgar pela imprensa. A imprensa que é empolgada por 2 a 0, meu time não. Calma, pé no chão, não ganhamos nada ainda. O Cerro jogou com novo treinador no campeonato paraguaio e ganhou de 4 a 2. Aconteceram mudanças na equipe", alertou.

A preocupação com revés se estendeu para as comemorações do clube. Na terça-feira, o Palmeiras promove uma festa para celebrar os 104 anos de existência, comemorados neste domingo. Felipão vetou a presença dos jogadores no envento.

"Temos de ter muito cuidado. É o pensamento do meu grupo. Tanto que na terça-feira será a festa no Palmeiras, o pessoal do clube solicitou que alguns jogadores fossem e já avisei que ninguém vai. Temos de nos preocupar com o jogo. Festa é quando terminar o jogo. Precisamos ter cabeça no lugar", concluiu.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.