Werther Santana / Estadão
Werther Santana / Estadão

'Se o deixarem trabalhar, as coisas vão melhorar', diz Ceni sobre Raí no São Paulo

Treinador do Fortaleza torce para que o novo diretor de futebol tricolor tenha respaldo e liberdade para trabalhar

O Estado de S.Paulo

08 de dezembro de 2017 | 17h54

O técnico do Fortaleza, Rogério Ceni, que comandou o São Paulo nos primeiros seis meses deste ano, vê com bons olhos a chegada de Raí ao departamento de futebol do clube tricolor. O novo diretor foi apresentado nesta sexta-feira no CT da Barra Funda, dois dias depois de Vinicius Pinotti pedir demissão do cargo.

Raí se diz ciente dos 'riscos' e promete fazer São Paulo reencontrar identidade

Ceni disse que o futebol do São Paulo tem tudo para melhorar em 2018, mas que as mudanças só acontecerão se Raí tiver espaço e liberdade para colocar em prática suas convicções e ideias. "Ele é um profissional fora de sério, uma pessoa bacana e tem tudo para, se deixarem ele trabalhar e tomar decisões, aí quem sabe as coisas podem melhorar bastante para o próximo ano", disse o treinador, à ESPN.

O treinador disse ainda que torce para que Raí tenha respaldo da diretoria tricolor para que sua história não seja manchada. "Não é fácil construir um ídolo. Espero que o Raí tenha respaldo e que os resultados venham, porque a gente não pode perder pessoas que deram tanto e fizeram tanto pelo clube por uma má administração. Pessoas do calibre do Raí precisam ter respaldo e liberdade para trabalhar."

Tudo o que sabemos sobre:
São Paulo Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.