Divulgação
Divulgação

Seedorf faz treino físico e vê Botafogo 'de parabéns'

Após ser desfalque do time nas últimas rodadas, meia corre para retornar ao gramados e ajudar a equipe

AE, Agência Estado

13 de agosto de 2013 | 18h09

RIO - Depois de sofrer com dores musculares ao longo da última semana, que o tiraram do confronto contra o Atlético-MG, na quarta, e fizeram com que entrasse abaixo de sua melhor forma física contra o Goiás, no sábado, o meia Seedorf fez um intenso treino físico nesta terça-feira. Enquanto os jogadores titulares fizeram apenas um leve trabalho no campo anexo do Engenhão, o holandês correu em volta do gramado e demonstrou estar em plenas condições para enfrentar o Internacional, quinta-feira, em casa.

Após a atividade, Seedorf concedeu entrevista coletiva na qual exaltou o atual momento vivido pelo Botafogo, segundo colocado do Campeonato Brasileiro com 25 pontos, mesmo número do Cruzeiro, que leva vantagem no saldo de gols. "O Botafogo não está sentindo a pressão de ganhar o campeonato, está lutando para ganhar o campeonato. Tudo que fazemos é trabalhar todos os dias. Estamos de parabéns, mas o caminho é longo pela frente, só passou um terço do campeonato", declarou.

Com uma campanha de sete vitórias, quatro empates e duas derrotas, o Botafogo sempre esteve entre os líderes da competição. Essa regularidade também foi elogiada por Seedorf, que pediu que o desempenho seja mantido até o fim da competição. "Queremos manter nossa posição lá no alto, que é muito boa. Nem todos os times podem falar isso. Nem sempre consegue, mas até agora conseguimos estar em primeiro lugar junto com o Cruzeiro. Vamos tentar nos manter o mais tempo possível."

Para o meia, o apoio da torcida tem sido essencial para a campanha desde o triunfo sobre o Vitória, no último dia 1.º. "Agradecemos muito o esforço da torcida desde aquela vez, sempre aumentando e crescendo. A cada jogo vamos precisar mais. Esse jogo (contra o Inter) é fundamental, contra um dos favoritos. Queremos e precisamos muito da nossa torcida do lado, dentro do estádio, criando o ambiente que nos ajudou tanto contra Vasco e Vitória e vai nos ajudar mais vezes", disse.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolBotafogoSeedorf

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.