Segurança na Vila terá 300 policiais

O clássico entre Santos e Corinthians deve lotar a Vila Belmiro nesta quarta-feira, com expectativa de 17 mil torcedores santistas e 3 mil corintianos. Por conta disso e da grande rivalidade entre os dois clubes, mais de 300 policiais militares estão escalados para garantir a segurança da partida.O estádio será isolado a partir das 14 horas e a polícia pediu um reforço da fiscalização da prefeitura de Santos para coibir o comércio de bebidas alcoólicas pelos ambulantes. Os cuidados com os torcedores começarão nas estradas e os ônibus que deixarem São Paulo com torcidas dos dois times serão escoltados em comboios. Ao chegarem à Vila Belmiro, a revista será extremamente rigorosa, como garante o comandante do policiamento, tenente-coronel Cláudio Marques Trovão. As arquibancadas foram dividas e os corintianos ficarão atrás do gols de fundos da Vila Belmiro. "Não haverá possibilidade de contato entre elas", garantiu o tenente-coronel Trovão, explicando que, além do isolamento, os torcedores deixarão o estádio em momentos diferentes."Primeiro vão sair os santistas, que serão acompanhados pelos policiais nas imediações do estádio e, quando todos tiverem saído, será a vez dos corintianos, que sairão pela rua José Anchieta e entrarão direto nos ônibus, que serão escoltados", explicou.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.