Seis ficam feridos em confusão por suspensão de jogo na França

Segundo balanço provisório da confusão, entre os feridos havia um policial e um torcedor do time da capital

EFE

25 de outubro de 2009 | 22h16

Seis pessoas ficaram levemente feridas em confrontos entre a Polícia francesa e torcedores do Olympique Marseille irritados pela suspensão da partida deste domingo com o Paris Saint-Germain, pela décima rodada do Campeonato Francês.

Segundo um balanço provisório, entre os feridos havia um policial e um torcedor do PSG. A confusão aconteceu porque muitos torcedores já tinham viajado para Marselha e não sabiam da suspensão.

O jogo, que sempre é considerado de alto risco, aconteceria no estádio Velodrome às 21h locais (18h de Brasília), mas foi cancelado por causa dos casos de gripe A registrados na equipe da capital. O Olympique reclamou do cancelamento tão em cima da hora.

A decisão de suspender o jogo aconteceu depois que o Paris Saint-Germain informou sobre um terceiro caso de gripe A entre seus jogadores, sem indicar de quem se tratava.

Segundo a imprensa local, Ludovic Giuly e Mamadou Sakho foram os dois primeiros jogadores infectados com a doença, enquanto Jérémy Clément é o terceiro a contrai-la.

O clube afirmou que outros dois membros do grupo têm os sintomas da gripe A. Segundo a imprensa, são eles o jogador Loris Arnaud e um membro da comissão técnica.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.