Seleção alemã descarta revanche contra Boateng

A Alemanha prometeu que não irá se concentrar em Kevin-Prince Boateng na partida de quarta-feira, decisiva para a definição dos classificados do Grupo D da Copa do Mundo da África do Sul. O jogador deixou fora do Mundial Michael Ballack, capitão da seleção alemã, com uma entrada dura na final da Copa da Inglaterra, lesionando o tornozelo do meio-campista.

AE, Agência Estado

20 de junho de 2010 | 13h01

"Estamos jogando contra Gana e não contra Kevin-Prince Boateng", disse Oliver Bierhoff, diretor da seleção alemã, sobre o confronto de quarta-feira no Estádio Soccer City, em Johannesburgo. "As emoções que uma pessoa têm devem ser deixadas de lado".

Depois de perder por 1 a 0 para a Sérvia, a Alemanha tem a obrigação de ganhar. Gana lidera a chave com quatro pontos. Os alemães estão com três pontos depois de golearem a Austrália por 4 a 0 na estreia. Gana ganhou dos sérvios por 1 a 0 e empatou com a Austrália por 1 a 1.

"Gana é uma equipe forte e com jogadores interessantes no ataque. Mas exibiu algumas debilidades defensivas e isso podemos aproveitar", disse Bierhoff. "Não é uma equipe que tememos. Temos confiança e qualidade".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.