Mauricio Duenas/AFP
Mauricio Duenas/AFP

Brasil defende retrospecto em estreias nas Eliminatórias

Seleção nunca foi derrotada na primeira rodada da disputa

Marcius Azevedo, O Estado de S. Paulo

08 de outubro de 2015 | 07h00

A seleção brasileira defende invencibilidade contra o Chile nesta quinta-feira, em Santiago, na abertura das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo da Rússia. O Brasil nunca foi derrotado em estreias no qualificatório. São 11 partidas, com seis vitórias e cinco empates. Coincidentemente os brasileiros sempre estreiam fora de casa.

A primeira estreia foi em 28 de fevereiro de 1954, em jogo válido pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo da Suíça. O adversário foi justamente o Chile. Sob o comando do técnico Zezé Moreira e com dois gols de Baltazar, o Brasil superou os chilenos por 2 a 0, no estádio Nacional de Santiago, palco do confronto desta quinta-feira.

A estreia mais recente traz outra coincidência. O treinador da seleção era Dunga, que voltou ao cargo há um ano depois do fracasso de Luiz Felipe Scolari na Copa do Mundo de 2014. Naquela oportunidade, na busca pela vaga para o Mundial da África do Sul, o Brasil ficou no empate por 0 a 0 diante da Colômbia, no dia 14 de outubro de 2007, El Campin, em Bogotá.

Aliás, os colombianos foram rivais da seleção em cinco oportunidades em estreias. Além do empate por 0 a 0 com Dunga, o Brasil conquistou duas vitórias (2 a 0, em 6 de agosto de 1969, e 2 a 1, em 7 de setembro de 2003) e somou dois empates (0 a 0, em 20 de fevereiro de 1977 e em 28 de março de 2000).

A seleção brasileira registra ainda duas estreias diante da Venezuela (1 a 0, em 8 de fevereiro de 1981, e 4 a 0, em 30 de julho de 1989), uma contra o Peru (empate por 1 a 1, em 13 de abril de 1957), outra diante da Bolívia (2 x 0, em 2 de julho de 1985) e mais uma contra o Equador (0 x 0, em 18 de julho de 1993).

1. Eliminatórias Copa do Mundo de 1954 - Suíça

28 de fevereiro de 1954

Brasil 2 x 0 Chile

Local: Nacional de Santiago

Gols: Baltazar, aos 36 do primeiro tempo e 18 do segundo tempo

Técnico: Zezé Moreira

2. Eliminatórias Copa do Mundo de 1958 - Suécia

13 de abril de 1957

Brasil 1 x 1 Peru

Local: Nacional de Lima

Gols: Terry, aos 37 do primeiro tempo, e Índio, aos 3 do segundo tempo

Técnico: Oswaldo Brandão

3. Eliminatórias Copa do Mundo de 1970 - México

6 de agosto de 1969

Brasil 2 x 0 Colômbia

Local: El Campin, em Bogotá

Gols: Tostão, aos 38 e 44 do primeiro tempo

Técnico: João Saldanha

4. Eliminatórias Copa do Mundo de 1978 - Argentina

20 de fevereiro de 1977

Brasil 0 x 0 Colômbia

Local: El Campin, em Bogotá

Técnico: Oswaldo Brandão

5. Eliminatórias Copa do Mundo de 1982 - Espanha

8 de fevereiro de 1981

Brasil 1 x 0 Venezuela

Local: Olímpico de Caracas

Gol: Zico, aos 37 do segundo tempo

Técnico: Telê Santana

6. Eliminatórias Copa do Mundo de 1986 - México

2 de julho de 1985

Brasil 2 x 0 Bolívia

Local: Ramon Tahuichi Aguillera, em Santa Cruz de La Sierra

Gols: Casagrande, aos 11 do primeiro tempo, e Noro (contra), aos 14 do segundo tempo

Técnico: Telê Santana

7. Eliminatórias Copa do Mundo de 1990 - Itália

30 de julho de 1989

Brasil 4 x 0 Venezuela

Local: Brigido Iriarte, em Caracas

Gols: Branco, aos 5 do primeiro tempo, Romário, aos 22, Bebeto, aos 35 e 39 do segundo tempo

Técnico: Sebastião Lazaroni

8. Eliminatórias Copa do Mundo de 1994 - Estados Unidos

18 de julho de 1993

Brasil 0 x 0 Equador

Local: Monumental de Guayaquil

Técnico: Carlos Alberto Parreira

9. Eliminatórias Copa do Mundo de 2002 - Coreia do Sul e Japão

28 de março de 2000

Brasil 0 x 0 Colômbia

Local: El Campin, em Bogotá

Técnico: Vanderlei Luxemburgo

10. Eliminatórias Copa do Mundo de 2006 - Alemanha

7 de setembro de 2003

Brasil 2 x 1 Colômbia

Local: Municipal Roberto Melendez, em Barranquilla

Gols: Ronaldinho, aos 22, Juan Pablo Angel, aos 38, e Kaká, aos 15 do segundo

Técnico: Carlos Alberto Parreira

11. Eliminatórias Copa do Mundo de 2010 - África do Sul

14 de outubro de 2007

Brasil 0 x 0 Colômbia

Local: El Campin, em Bogotá

Técnico: Dunga


Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.