Laura Zago/CBF
Laura Zago/CBF

Seleção brasileira feminina escolhe Portugal para preparação final ao Mundial

Escolha do local foi feita visando a aclimatação da equipe, tendo em vista a temperatura no país europeu e o fuso horário

Redação, Estadão Conteúdo

28 de abril de 2019 | 15h45

A comissão técnica da seleção brasileira feminina de futebol, comandada por Osvaldo Alvarez, o Vadão, escolheu a cidade de Portimão, na região do Algarve, em Portugal, para a preparação final para o Mundial da França, que será entre 7 de junho e 7 de julho. A escolha do local foi feita visando a aclimatação da equipe, tendo em vista a temperatura no país europeu e o fuso horário.

De acordo com a CBF, a comissão técnica e as jogadoras chegarão no dia 22 de maio e ficarão até 5 de junho, quando viajarão para Grenoble, na França, cidade da estreia diante da Jamaica, no dia 9. A seleção usará como base dos treinos o Centro de Treinamento e o campo oficial do Portimonense Sporting Clube. A equipe também terá a disposição o campo do Penina Hotel & Golf Resort, onde ficará hospedada.

"Escolhemos o local devido à proximidade conosco em relação aos costumes como língua, ambiente e alimentação. Teremos em curtas distâncias, sem deslocamentos grandes para as atletas, os três locais de treinamento e uma oportunidade muito grande de já estar na Europa para se adaptar ao fuso horário e ao clima", analisou Marco Aurélio Cunha, coordenador de seleções femininas da CBF.

Durante a Copa do Mundo, a seleção feminina mudará de cidade seguindo a programação de jogos. No dia 9 de junho, o Brasil enfrentará a Jamaica, em Grenoble. No dia 13, a seleção terá pela frente a Austrália, em Montpellier. A equipe termina a participação na fase de grupos diante da Itália, em Valenciennes, no dia 18.

"Acho que esse período será muito importante. Serão 15 dias que a comissão técnica terá para ajustar a equipe para a competição e entrarmos com força total. Faremos um trabalho fora da França com tranquilidade e chegando na véspera da competição para que a gente sinta a França no momento da chegada, e assim evitamos ficar muito tempo em um mesmo local", completou Marco Aurélio.

Desde a última terça-feira, a comissão técnica da seleção brasileira feminina iniciou trabalhos físicos com quatro atletas. Durante três semanas, o grupo composto pelas zagueiras Bruna Benites e Rafaelle e as atacantes Cristiane e Bia Zaneratto estará em Itu, no interior de São Paulo. O objetivo é ajustar a reabilitação das jogadoras que se lesionaram nos últimos meses para iniciar o retorno a campo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.