Seleção brasileira só voltará para Johannesburgo se chegar à final

Se passar pela Holanda nas quartas-de-final, Brasil disputará a semi na Cidade do Cabo

ANDRÉ CARDOSO, Agência Estado

29 de junho de 2010 | 19h09

JOHANNESBURGO - A seleção brasileira embarca nesta quarta-feira, 29, para Port Elizabeth, onde enfrentará a Holanda na sexta, pelas quartas de final da Copa do Mundo. Em caso de vitória, a delegação segue diretamente para Cidade do Cabo, palco da semifinal da próxima terça. Assim, o Brasil só volta agora para Johannesburgo se chegar à final da competição, marcada para o dia 11 de julho.

Veja também:

linkRivellino critica meio-campo brasileiro

linkDunga espera recuperação de jogadores para definir time

linkBrasil faz treino leve, mas Elano não aguenta até o fim e é dúvida

mais imagens GALERIA: Brasil 3 x 0 Chile

especial CRONOLOGIA: Copa, dia a dia

tabela TABELA - Jogos | Classificação | Simulador

A delegação brasileira está concentrada em Johannesburgo desde que desembarcou na África do Sul, no dia 27 de maio. Nesse período, o grupo saiu da cidade apenas para o jogo contra Portugal, pela última rodada da primeira fase, que foi disputado em Durban - sem contar os dois amistosos antes do início da Copa, que aconteceram no Zimbábue e na Tanzânia.

Em Johannesburgo, a delegação está concentrada no Hotel The Fairway, que foi fechado exclusivamente para receber o Brasil. Assim, Dunga pôde implantar o esquema de trabalho que ele considera ideal, com reclusão e privacidade para os jogadores. Agora, porém, a situação será diferente, pois tanto em Port Elizabeth quanto na Cidade do Cabo o hotel terá outros hóspedes.

"Já estamos acomodados no hotel (The Fairway), num ambiente tranquilo e saudável. Para nós, continuar no hotel seria melhor, onde estamos focados e concentrados apenas no trabalho. Agora, temos que conviver com hotéis cheio de gente", afirmou Dunga, lamentando o fim do esquema de reclusão total que a seleção tem vivido desde que desembarcou na África do Sul.

Mas, antes do embarque para Port Elizabeth, a seleção brasileira ainda treina nesta quarta em Johannesburgo. Será no período da tarde, no campo da escola Saint Stithians. Logo depois, porém, a delegação se despede do Hotel The Fairway e faz a viagem de avião durante a noite na África do Sul - a previsão de voo é de pouco menos de duas horas.

 

 

 

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.