Marcos Brindicci / Reuters
Marcos Brindicci / Reuters

Seleção brasileira tem Neymar e mais dois titulares pendurados com cartão amarelo

Tite já perdeu Casemiro para a partida das quartas de final da Copa do Mundo

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

02 Julho 2018 | 14h14
Atualizado 02 Julho 2018 | 16h57

A seleção brasileira chega nas quartas de final com três jogadores pendurados com dois cartões amarelos e que se forem advertidos na partida que será realizada na sexta-feira, contra a Bélgica, desfalcará o time brasileiro em uma possível semifinal. Estão ameaçados, os atacantes Neymar e Philippe Coutinho e o lateral-esquerdo Filipe Luis.

+ Osorio diz que futebol é para homens e vê 'palhaçada' em lance com Neymar

+ Neymar manda recado aos mexicanos: ‘Falaram demais e foram embora para casa’

+ Saiba contra quem e que horas é o jogo do Brasil nas quartas de final

Desfalque certo é o volante Casemiro, que recebeu o segundo cartão amarelo na partida contra o México e, com isso, não poderá atuar contra Bélgica ou Japão, que se enfrentam ainda nesta segunda-feira. 

Vale lembrar que os cartões serão zerados na semifinal, mas caso algum jogador receba o segundo cartão na partida válida pelas quartas, ele precisará cumprir a suspensão na partida que antecede a decisão do torneio. 

Do trio ameaçado, o único que pode perder posição para a próxima partida é Filipe Luis. Marcelo já ficou no banco de reservas contra o México, recuperado de dores nas costas, e há a possibilidade dele voltar ao time na sexta-feira.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.