Seleção da Ligas dos Campeões tem seis dos finalistas

A Uefa anunciou nesta quinta-feira a seleção ideal da Liga dos Campeões. Como não poderia ser diferente, Manchester United e Barcelona formam a base da equipe, que não tem Cristiano Ronaldo. O time foi formado a partir da média da nota data, rodada após rodada, por torcedores e especialistas.

AE, Agência Estado

26 de maio de 2011 | 16h35

No gol, a seleção ideal tem o veterano Van der Sar, que se aposentará do futebol após a final em Wembley. Na linha defensiva está o único brasileiro da seleção da Uefa: o lateral-esquerdo Marcelo, do Real Madrid. Na outra lateral, o croata Srna, do Shakhtar Donetsk. A dupla de zaga estará presente na decisão: Piqué, do Barcelona, e Vidic, do Manchester United.

No meio campo, os indispensáveis Giggs e Iniesta têm a companhia de Bale, do Tottenham, e Özil, do Real Madrid. A maior - e talvez única - surpresa está no ataque. A torcida madrilenha ajudou Raúl Gonzalez, do Schalke 04, a ser o companheiro de Messi.

O jogador com a nota mais alta pela seleção da Uefa foi Messi, que recebeu média 8.0 tanto dos torcedores quanto dos especialistas. Em seguida vem outro barcelonista, Iniesta, que teve 7.6 dos comentaristas e 7.3 dos fãs.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.