Eduardo Nicolau/Estadão
Eduardo Nicolau/Estadão

Seleção é recebida em Sochi com dança típica em hotel e torcedores em aeroporto

Delegação brasileira desembarca na cidade que vai ser sua base durante a Copa do Mundo

Leandro Silveira e Marcio Dolzan, enviados especiais a Sochi, O Estado de S.Paulo

10 Junho 2018 | 22h18

A seleção brasileira já está em Sochi, onde vai realizar a sua fase final de preparação para a Copa do Mundo e ficará concentrada durante as fases iniciais do torneio. No início da madrugada de segunda-feira no horário local (noite de domingo no Brasil), apenas horas após derrotar a Áustria por 3 a 0 em Viena, no seu último amistoso preparatório para a competição, a delegação desembarcou no aeroporto da cidade russa e seguiu para o hotel onde vai se hospedar, sendo recepcionado pelos funcionários do local.

+ Com recepção discreta no aeroporto, seleção brasileira desembarca em Sochi

+ Neymar celebra volta como titular e exalta momento: 'Tem que sonhar mesmo'

Os atletas e membros da comissão técnica acompanharam a apresentação de um grupo de dança típica russa antes de irem para seus quartos no luxuoso hotel para o primeiro repouso em solo russo. A segunda-feira será dia livre para o elenco, que iniciará os treinamentos na cidade nesta terça, às 10 horas locais (4 horas de Brasília), em uma atividade aberta ao público no estádio Slava Metreveli.

Antes da chegada ao hotel, cerca de 50 pessoas, entre torcedores e curiosos, estiveram no aeroporto para acompanhar o desembarque da seleção. A delegação chegou à cidade do sudoeste da Rússia às 2h45 de segunda-feira (20h45 de domingo pelo horário de Brasília), e rumou direto para o Swissôtel Kamelia, onde chegou às 3h32 locais (21h32 de Brasília).

Local escolhido para ser o quartel general da delegação, o Swissôtel Kamelia é um resort com praia particular, tem acesso restrito e fica a poucos passos dos dois campos de treinos que servirão à seleção, em uma aposta da CBF para dar tranquilidade aos jogadores, além do luxo, sendo que todos os quartos têm vista para o Mar Negro.

 

A chegada a Sochi e ao luxuoso hotel representa o último passo na preparação da seleção brasileira para a Copa do Mundo. O grupo convocado, exceto os jogadores envolvidos na decisão da Liga dos Campeões da Europa, se apresentou em 21 de maio na Granja Comary, em Teresópolis (RJ), depois seguindo para Londres. Lá, a equipe treinou por duas semanas, tendo realizado dois amistosos nesse período - além do confronto contra a Áustria, derrotou a Croácia por 2 a 0, em Liverpool.

Em Sochi, a seleção vai treinar por quase uma semana até a sua estreia na Copa do Mundo, no próximo domingo, contra a Suíça, em Rostov.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.