Seleção ignora névoa e treina

Mesmo sob névoa intensa, que prejudica de maneira acentuada a visibilidade, começou há instantes na Granja Comary, em Teresópolis, o treino coletivo da Seleção Brasileira que no domingo enfrenta a Bolívia na penúltima rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo.O treino começou com meia hora de atraso justamente por causa da neblina que de forma surpreendente desceu sobre o centro de treinamento no meio da tarde. O técnico Carlos Alberto Parreira adiou o início à espera que a névoa se dissipasse, mas como isso não aconteceu, ele resolveu iniciar a movimentação assim mesmo.O time que começou o treino como titular tem Julio Cesar; Cicinho, Luisão, Roque Junior e Gilberto; Gilberto Silva, Renato, Juninho e Ricardinho; Robinho e Adriano. Este, aliás, deverá ser a equipe que inicia a partida em La Paz.O curioso do coletivo, além da espessa neblina, foi acompanhar estrelas do calibre de Ronaldo, Ronaldinho Gaúcho e Kaká jogando pelo time reserva. A Seleção ainda fará um treino na manhã deste sábado, antes da viagem para Santa Cruz de la Sierra. A delegação permanece em Santa Cruiz até domingo e viaja para La Paz algumas horas antes da partida, marcada para às 17 horas (de Brasília).

Agencia Estado,

07 de outubro de 2005 | 16h34

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.