Gaizka Bilbao/AP
Gaizka Bilbao/AP

Seleção mexicana confirma ausência de Carlos Vela na Copa do Mundo

Dirigentes da federação mexicana de futebol dizem que falta comprometimento do jogador com a equipe

AE, Agência Estado

03 Fevereiro 2014 | 15h42

CIDADE DO MÉXICO - Um dos principais jogadores mexicanos na atualidade, o atacante Carlos Vela está fora da Copa do Mundo deste ano, no Brasil. Nesta segunda-feira, a federação de futebol do país, a Femexfut, revelou que o técnico da seleção, Miguel Herrera, e dirigentes da entidade se reuniram com o atleta e que ficou evidenciada a falta de compromisso dele com a equipe.

"Na conversa, Miguel Herrera confirmou que não existe o compromisso que se busca de um jogador da seleção nacional. Por isso, de forma definitiva, Carlos Vela não será convocado no transcurso do processo para o Mundial", informava nota no site da Femexfut, deixando claro que não há possibilidade de mudar a decisão.

Aos 24 anos, Vela não participa de uma partida da seleção mexicana desde 2010, quando foi acusado de ser um dos participantes de uma festa na concentração. Ele foi suspenso e, posteriormente, passou a recusar as convocações. Recentemente, o jogador deixou em aberto a possibilidade de voltar à equipe, o que motivou o encontro com Miguel Herrera.

Ao lado de Héctor González Iñárritu, diretor geral de seleções nacionais, Ricardo Peláez, diretor esportivo da seleção principal, e Santiago Baños, seu auxiliar, Herrera foi até Madri encontrar com o jogador. Vela, no entanto, parece ter voltado atrás na decisão de defender seu país.

"O jogador manifestou, mais uma vez, que não se encontra com 100% de condições do ponto de vista mental e emocional para enfrentar o Mundial", dizia a nota da Femexfut. A seleção mexicana estreia na Copa do Mundo no dia 13 de junho, diante de Camarões. Os dois países estão no Grupo A, ao lado de Brasil e Croácia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.