Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Seleção treina apenas com 9 em Barcelona

Apenas nove jogadores participaram neste sábado de um treino leve da seleção brasileira no campo de treinamento anexo ao estádio Camp Nou, em Barcelona. Fábio, Fábio Luciano, Adriano, Júnior, Gilberto Silva, Alex, Luisão, Cris e Edu estiveram em ação. Roque Júnior também estava com o grupo, mas foi poupado dos exercícios, pois sente dores musculares. Neste domingo, Parreira ganhará os reforços de Marcos e Mancini, que já estão em Barcelona. Kaká também chega, mas fará tratamento por causa de uma contusão no tendão de Aquiles que sentiu no jogo contra a França. Seus companheiros de Milan, Dida e Cafu, se reincorporam à seleção só à noite. E os demais jogadores, liberados para jogar por seus clubes no fim de semana, se reapresentam apenas na segunda.Exatamente por isso, o técnico Carlos Alberto Parreira prefere aguardar para anunciar a escalação do time que enfrenta a seleção da Catalunha no amistoso de terça-feira, que já teve 55 mil dos 97 mil ingressos disponíveis vendidos. "Vamos esperar a segunda-feira para definir, pois os atletas terão jogos difíceis por seus clubes e preciso ver se todos se reapresentam bem??, justificou.Mas a intenção de Parreira é repetir o time que iniciou a partida contra a França. No segundo tempo, ele planeja fazer várias alterações, para testar mais opções para a equipe.Convocado na quinta-feira à noite, o zagueiro Fábio Luciano fez neste sábado seu primeiro treino com a seleção. E, claro, estava com um largo sorriso por ter sido lembrado. "Fico feliz, porque veio coroar minha boa temporada pelo Fenerbahce e mostra que o Parreira acompanha tudo. Não fiquei esquecido na Turquia??, disse o ex-jogador do Corinthians.Neste domingo, a seleção volta a treinar, com os jogadores que estiverem disponíveis. Como não tem o grupo completo, Parreira resolveu antecipar o treino para as 9 horas (4 horas de Brasília) e dar a tarde livre para os atletas. "Deixa eles passearem.?? Parreira também explicou as idas e vindas de Kaká, Cafu e Dida. "Foi estranho. Primeiro recebidos uma mensagem muito mal-educada do Milan, em italiano, exigindo a volta dos jogadores. Depois, veio um texto em inglês pedindo desculpas pelo mal-entendido e liberando os três??, contou o treinador.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.