Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Estadão Digital
Apenas R$99,90/ano
APENAS R$99,90/ANO APROVEITE

Sem acordo com o Milan, Zé Love permanece na Genoa

Com negociação encaminhada com o Milan, o atacante Zé Love chegou a se despedir dos companheiros da Genoa na quarta-feira, quando já fazia planos para atuar em um dos maiores clubes do mundo. O acordo, porém, sofreu uma reviravolta nesta quinta e o ex-jogador do Santos vai permanecer no time de Gênova.

AE, Agência Estado

23 de agosto de 2012 | 13h25

Nenhuma das partes informou o motivo do fim da negociação. Pelo Twitter, Zé Love apenas disse estar feliz pelo interesse do clube de Milão. "Estou muito feliz pelo interesse do Milan. Mas não chegamos um acordo junto com a Genoa, onde tenho 4 anos de contrato e estou feliz!", declarou o atacante.

Segundo a imprensa local, o acordo não avançou porque Zé Love teria ficado insatisfeito com a exigência do técnico Massimiliano Allegri de que o brasileiro deveria participar de alguns treinos com o time do Milan antes do acerto definitivo.

Allegri não estaria certo de que Zé Love seria o melhor substituto para Alexandre Pato, afastado por conta de nova lesão. Às vésperas do início do Campeonato Italiano, o Milan está sofrendo para renovar o setor ofensivo da equipe, desfalcado pelas saídas de Ibrahimovic, Cassano e Inzaghi.

A sua disposição, Allegri tem apenas Robinho e Pazzini para o ataque. O Milan tenta reestruturar seu elenco depois de sofrer seguidas baixas ao fim da temporada, como Nesta, Seedorf e o brasileiro Thiago Silva.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolGenoaMilanZé Love

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.