Divulgação/Atlético-MG
Divulgação/Atlético-MG

Sem adversário, Sérgio Coelho é eleito e presidirá o Atlético-MG até 2023

Novo presidente assume o clube mineiro em 2021 e terá mandato até o fim de 2023

Redação, Estadão Conteúdo

11 de dezembro de 2020 | 19h12

O Atlético Mineiro tem novo presidente. Nesta sexta-feira, em votação realizada pelos membros do Conselho Deliberativo do clube, Sérgio Batista Coelho foi eleito para comandar a equipe no período de 2021 a 2023. Ele foi o candidato único da eleição para definir o sucessor de Sérgio Sette Câmara.

O atual mandatário tinha o direito a buscar a reeleição, mas não tentou um novo mandato, com o grupo político que está à frente do clube, com nomes como Rubens e Rafael Menin, Ricardo Guimarães e Renato Salvador, optando por indicar Sergio Coelho. Ele compôs uma chapa única, a "Galo Sempre Forte" com José Murilo Procópio como seu vice-presidente, em sucessão a Lásaro Cândido.

O comparecimento na eleição realizada no Labareda, um dos clubes sociais do Atlético-MG, foi de pouco mais da metade dos 366 conselheiros. A chapa única recebeu 188 votos, sendo que ainda houve um em branco.

"A votação surpreendente que tivemos, num momento de absoluta adversidade, me deixa muito feliz, mas também aumenta minha responsabilidade", disse Sérgio Coelho. "O Atlético pacificado vai fazer bonito. Rumo ao futuro como grande potência do futebol mundial", publicou Rubens Menin em seu perfil no Twitter.

A posse da nova diretoria deverá ocorrer em 4 de janeiro de 2021. O presidente eleito possui participação em gestões anteriores do Atlético-MG, especialmente na de Ricardo Guimarães (2001 a 2006), mas também chegando a fazer parte das diretorias de Paulo Cury e Nélio Brant, entre o fim dos anos 1990 e o início dos 2000. Ele deverá ser o presidente do clube na inauguração da Arena MRV, prevista para 2022.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolAtlético Mineiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.