Ricardo Duarte/Internacional
Ricardo Duarte/Internacional

Sem chances de título, Inter quer garantir G-4 contra o Fluminense

Para duelo, técnico Odair Hellmann não poderá contar com Leandro Damião, com dores, e volta de Rodrigo Dourado não está confirmada

Estadão Conteúdo

25 de novembro de 2018 | 07h06

Sem chances de ser campeão, o Internacional corre atrás da vaga direta na fase de grupos da Copa Libertadores de 2019. Para tanto, o time gaúcho precisa vencer o Fluminense às 17 horas deste domingo, no Beira-Rio. Sob pressão, a equipe tenta se reabilitar da inesperada derrota para o Atlético-MG, na rodada passada.

O revés fez o time gaúcho estacionar na terceira posição, com 65 pontos, mas teve a sorte de contar com tropeços do rival Grêmio e do São Paulo, que seguem com 62. Além disso, o Inter viu o Flamengo abrir vantagem na vice-liderança, agora com 69 pontos, e não pode mais alcançar o líder Palmeiras, que tem 74 pontos e pode ser campeão neste mesmo domingo.

Contra o Fluminense, a equipe liderada pelo técnico Odair Hellmann poderá se recuperar de duas derrotas consecutivas - antes perdera para o Botafogo, na rodada anterior. "Sempre acreditamos e nunca vamos desistir de atingir nosso objetivo, que agora é esta vaga no G-4", diz o treinador, preocupado em voltar a vencer na despedida do time diante da torcida, que viu a primeira derrota em casa na rodada passada.

O artilheiro Leandro Damião está vetado, com dores na perna direita. O seu substituto deve ser Jonatan Alvez, uma vez que Willian Pottker está sem ritmo de jogo, após se recuperar de lesão. Ele até treinou na sexta-feira, mas entre os reservas.

Uma dúvida é o volante Rodrigo Dourado, apesar de ter treinado entre titulares, e ter corrido ao redor do gramado ele demonstra desgaste e pode ser poupado. Gabriel Dias está pronto para suprir a ausência. É possível ainda a entrada de Camilo no lugar de Patrick, mas o técnico não quis confirmar nada.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.