Sem confrontos diretos, São Paulo precisa torcer contra

Muricy quer vencer todos os jogos para chegar à liderança; nesta quinta-feira, rival é o Vitória no Morumbi

Marcius Azevedo, Jornal da Tarde

20 de outubro de 2008 | 19h49

Com dois títulos brasileiros nos pontos corridos no currículo, o técnico Muricy Ramalho sempre defendeu que para ser campeão é necessário vencer os confrontos diretos. Agora é justamente a ausência deles que motiva os são-paulinos na reta final na competição. Veja também:Veja as chances de título e rebaixamentoSão Paulo lamenta não ter 'dado um passo maior' Vote: quem vai levar o título do Brasileirão?  Brasileirão Série A - Classificação Dê seu palpite no Bolão Vip do Limão Dos cinco times que ainda disputam o caneco, o clube tricolor é o único que não enfrentará um concorrente nos últimos oito jogos. O líder Grêmio, por exemplo, ainda enfrenta o Cruzeiro, segundo colocado, no Mineirão, e o Palmeiras, terceiro, no Palestra Itália. Além de pegarem o líder, os mineiros recebem também o Flamengo, atualmente no quinto lugar, em Belo Horizonte. E os cariocas jogam com o Palmeiras, no Maracanã. "Esperamos mais tropeços. Até porque os times que estão lá na frente vão se enfrentar", afirmou o zagueiro Rodrigo. "Agora temos de vencer os nossos jogos e torcer. A vitória da Portuguesa sobre o Grêmio é uma prova de que muita coisa pode acontecer até o final". O mesmo discurso adotou o volante Jean. "Pela situação na tabela precisamos fazer nossa parte muito bem feita e torcer por um tropeço dos outros. O mais importante é vencer os nossos jogos porque os outros times terão confrontos diretos". A diferença de três pontos para o Grêmio fez inclusive os jogadores mudarem o discurso adotado logo após o empate com o Palmeiras. Nesta segunda-feira, o ponto conquistado foi até enaltecido. "Pensando agora, com calma, foi um resultado bom porque estamos só três pontos atrás do líder. E olha que já ficamos 12 atrás", disse Jean. "Estamos mais vivos do que nunca e prontos para erguer essa taça". Rodrigo vê o time ainda mais motivado. "Está todo mundo empenhado. O campeonato está aberto. Estamos firmes e bem concentrados para buscar o título". Muricy também sabe que o momento é importante e antecipou em um dia a concentração para o jogo contra o Vitória, na quinta. O elenco treina nesta terça à tarde e já fica no CT da Barra Funda.

Tudo o que sabemos sobre:
São Paulo FCBrasileirão Série A

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.