Sem contrato, Ferron desfalca Ponte Preta no domingo

Um erro da diretoria da Ponte Preta fez o técnico Guto Ferreira ganhar um desfalque na última rodada do Campeonato Brasileiro. O contrato do zagueiro Ferron se encerra nesta sexta-feira e, com isso, ele não poderá entrar em campo para enfrentar a Portuguesa, no domingo, em São Paulo.

AE, Agência Estado

28 de novembro de 2012 | 19h05

Apesar disso, Ferron tem permanência confirmada para o próximo ano. Contratado no início de 2011, ele já renovou seu vínculo com a Ponte e o novo acordo será publicado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF na própria sexta. Isso, porém, não o regulariza para o jogo do domingo.

Sem contar com uma de suas principais peças, Guto Ferreira terá de buscar agora um substituto. O mais provável é que Tiago Alves seja o escolhido para a zaga. Além de Ferron, o treinador já tinha outro importante desfalque: o atacante Luan, que passará por uma cirurgia no púbis e deve ficar afastado dos gramados por até 60 dias - Rildo entra na vaga.

Livre da ameaça de rebaixamento no Brasileirão, a Ponte Preta ocupa a 12ª posição, com 47 pontos, e quer se despedir da temporada com uma vitória no domingo.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolPonte Preta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.