Sem criatividade, França decepciona ao empatar com a Suíça

Em um jogo chato, sem criatividade, a França decepcionou ao empatar sem gols com a Suíça, nesta terça-feira, no Estádio Gottlieb-Daimler, em Stuttgart. O resultado manteve o tabu de 68 anos sem que os "Bleus" vençam um adversário europeu em estréias em Mundiais - a última vitória foi diante da Bélgica, por 3 a 1, em 1938.Somando a isso, a França, maior decepção da última edição da Copa, segue sem superar o adversário há dois anos - ganhou a últim na Eurocopa. Nos outros dois jogos posteriores, houve empate por 0 a 0, em Saint-Denis, e 1 a 1, em Berna, pelas Eliminatórias Européias.O empate entre franceses e suíços deixa a Coréia do Sul na liderança do Grupo G da Copa da Alemanha, com três pontos. Os asiáticos ganharam de Togo por 2 a 1 na abertura da chave, em jogo realizado na cidade de Frankfurt.JogoQuerendo acabar com um jejum de oito anos sem anotar um gol em Mundiais - os últimos foram feitos na decisão diante do Brasil, em 1998 -, a França se lançou para o ataque e teve o primeiro lance de perigo aos 5 minutos. O meia Zinedine Zidane lançou Wiltord na direita, que cruzou na área para Henry. O atacante do Arsenal subiu sozinho, mas cabeceou para fora. Momentos depois, foi a vez de Viera perder o seu. Após cobrança de escanteio, a bola ficou com Sagnol. O ala alçou no segundo poste e o volante da Juventus, de primeira, mandou para a linha de fundo.A Suíça armou o primeiro lance de perigo aos 24. Em uma falta na intermediária, Tranquillo Barnetta levantou e Senderos resvalou de cabeça, mas a bola bateu na trave. Na seqüência, Frei, à queima-roupa de Barthez, perdeu um gol feito ao chutar para cima.Os "Bleus" responderam em seguida. Após falha do zagueiro Senderos, Ribéry partiu com velocidade, invadiu a área e tocou para Henry, que bateu em cima do marcador. Os franceses pediram pênalti acusando o suíço de cortar com a mão, mas o juiz russo Valentin Ivanov mandou seguir a partida.Na etapa complementar, a França seguiu atrás do primeiro tento e perdeu mais uma chance aos 3 minutos. Após boa tabela entre Zidane e Ribéry pela direita, a bola foi rolada para Vieira na entrada da área, que chutou fraco para a defesa fácil de Zuberbuehler. Aos 20, foi a vez dos suíços levantarem a sua torcida. Gygax recebeu cruzamento na pequena área e cabeceou para baixo, mas Barthez defendeu com as pernas.Nos minutos finais a equipe comandada pelo treinador Raymond Domenech perdeu mais um gol feito. O atacante Louis Saha foi lançado na área e arrumou, com o peito, para Dhorasoo. O meia do PSG chutou cruzado, rente à trave do goleiro suíço.Na segunda rodada do Grupo G, a França buscará a primeira vitória diante da Coréia do Sul, no domingo, em Leipzig. No dia seguinte, Suíça enfrentará o Togo, em Dortmund.Ficha técnica:França 0 x 0 SuíçaFrança: Barthez; Sagnol, Gallas, Thuram e Abidal; Vieira, Makelele, Ribéry (Saha) e Zidane; Henry e Wiltord (Dhorasoo). Técnico: Raymond Domenech. Suíça: Zuberbuehler, Mueller (Djourou), Senderos, Magnin e Philipp Degen; Vogel, Wicky (Margairaz), Cabanas e Barnetta; Streller (Gygax) e Frei. Técnico: Koebi Kuhn. Árbitro: Valentin Ivanov (Rússia). Cartões amarelos: Magnin, Barnetta, Degen, Cabanas, Abidal, Zidane e Sagnol. Local: Gottlieb-Daimler-Stadion, em Stuttgart.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.