Sem Cristiano Ronaldo, Real bate Getafe e se iguala a rivais na liderança

Clube chega a 60 pontos, junto de Barcelona e Atlético de Madrid

Agência Estado

16 de fevereiro de 2014 | 15h29

GETAFE - Mesmo sem poder contar com Cristiano Ronaldo, que cumpre suspensão, o Real Madrid não teve maiores problemas para vencer o Getafe por 3 a 0, neste domingo, fora de casa, e chegar aos mesmos 60 pontos de Barcelona e Atlético de Madrid no Campeonato Espanhol. Com o resultado, o time merengue se garantiu na vice-liderança, pois está em desvantagem em relação ao líder Barça no saldo de gols, mas leva a melhor sobre o seu rival da capital espanhola neste critério.

Já o Getafe, em péssima fase, acumulou o nono jogo seguido sem vitória e ocupa a 15ª posição, com 25 pontos, apenas quatro à frente do Valladolid, que hoje encabeça a zona de rebaixamento, na 18ª colocação.

Desfalcado de seu maior astro, que cumpriu o segundo de três jogos de suspensão, o Real abriu o placar neste domingo logo aos 6 minutos do primeiro tempo, com um gol de Jesé. Após receber passe de Gareth Bale, o atacante deu um corte em um defensor pelo lado esquerdo da área e bateu com categoria para marcar.

O segundo gol saiu já aos 27 minutos. Di María cruzou da esquerda para Benzema, que recebeu nas costas da zaga, matou no peito dentro da grande área e finalizou com tranquilidade para ampliar o placar.

E, dominante mesmo fora de casa, o time madrilenho decretou o 3 a 0 aos 20 minutos da etapa final. O lateral-esquerdo brasileiro Marcelo tocou a bola na direita para Modric, que arriscou o chute de fora da área e acertou o canto esquerdo baixo do goleiro adversário.

O volante Casemiro, que entrou no fim do segundo tempo e atuou por 11 minutos, foi outro jogador brasileiro que marcou presença em campo pelo Real neste domingo.

No outro jogo já encerrado neste domingo pelo Espanhol, o Granada venceu o Betis por 1 a 0, em casa, com um gol de Piti, chegou aos 27 pontos e assumiu a 12ª posição. Já a equipe de Sevilha segue amargando a lanterna, com apenas 14 pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.