Sem Edílson, Grêmio trabalha jogadas de bola parada em reapresentação

Time já pensa no duelo com o América-MG, no próximo domingo

Estadão Conteúdo

27 de julho de 2016 | 13h48

Após ganhar dois dias de folga na sequência do triunfo sobre o São Paulo no último domingo, o elenco do Grêmio se reapresentou na manhã desta quarta-feira no CT Luiz Carvalho e retomou a rotina de treinamentos com um trabalho focado especialmente nas jogadas de bola parada.

A única ausência do trabalho foi o lateral-direito Edílson, que ficou na academia, onde realizou trabalhos regenerativos, apenas por precaução. Assim, ao menos nesse momento, não preocupa para o duelo do próximo domingo com o América Mineiro, em Porto Alegre, pela 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Na primeira parte da atividade, o técnico Roger Machado trabalhou jogadas de bola parada e cobranças de escanteio de ambos os lados. O forte vento, porém, atrapalhou um pouco a realização desse treino. Depois, com o campo reduzido, Roger comandou uma movimentação de valorização da posse de bola, com troca de passes rápidos e movimentação constante.

O elenco do Grêmio volta a treinar no CT Luiz Carvalho na tarde de quinta-feira. Com 30 pontos, o time ocupa o terceiro lugar no Brasileirão, a dois do líder Palmeiras.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.