Fernando Bizerra Jr/EFE
Fernando Bizerra Jr/EFE

Sem Everton Ribeiro, Cruzeiro fica no empate com o Shakhtar

Equipe celeste fica no 1 a 1 com ucranianos pouco depois de confirmar a venda do meia para o Al Ahli, dos Emirados Árabes

Estadão Conteúdo

25 de janeiro de 2015 | 19h17

Atual campeão ucraniano, o Shakhtar Donetsk encerrou sua excursão pelo Brasil neste domingo empatando em 1 a 1 contra o agora desfigurado campeão brasileiro, o Cruzeiro, em amistoso disputado perante menos de 7 mil pagantes no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Os ucranianos vão embora com uma vitória (sobre o Inter), dois empates (Flamengo e Cruzeiro) e derrotas para Bahia e Atlético-MG.

O Cruzeiro sofreu mais uma baixa antes do jogo. Melhor do jogador dos duas últimas edições do Campeonato Brasileiro, Everton Ribeiro está a detalhes de assinar com o Al Ahli, dos Emirados Árabes Unidos, e não entrou em campo apesar de ter viajado para Brasília com o elenco.

Como Ricardo Goulart, Lucas Silva, Egídio e Marcelo Moreno também foram embora e Dedé está machucado, o Cruzeiro entrou em campo desfigurado. Gilson foi titular na lateral-esquerda, o chileno Seymour ocupou vaga no time como volante e Júlio Baptista ganhou o lugar que era de Everton Ribeiro.

Com seis brasileiros entre os titulares (e outros seis entrando no segundo tempo), o Shakhtar saiu na frente aos 14 minutos, com Alex Teixeira, após passe de Taison. O empate veio só no segundo tempo, aos 21, quando Leandro Damião fez o pivô no meio-campo e deu para Judivan. O garoto correu o campo todo, bateu em cima do goleiro, mas marcou no rebote.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeiroShakhtar Donetsk

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.