Werther Santana/AE
Werther Santana/AE

Sem graça, Palmeiras conhece novo 0 a 0 no Campeonato Brasileiro

Equipe pressionou no primeiro tempo, mas não conseguiu abrir o placar diante do Grêmio Prudente

ANDRÉ AVELAR, estadão.com.br

29 de maio de 2010 | 20h23

O Palmeiras conheceu neste sábado, 29, em Barueri, seu segundo empate no Campeonato Brasileiro. Durante a etapa inicial chegou a armar as jogadas, mas sem poder de finalização ficou mesmo no 0 a 0 com o Grêmio Prudente.

Veja também:

linkGoleiro Marcos pede reforços   

linkCandinho será o novo gerente de futebol do Palmeiras

lista BRASILEIRÃO 2010 - Calendário / Resultados

  

Essa já é a segunda partida sem gols do time do alviverde com apenas cinco rodadas na competição. Depois do resultado com o Vasco, na sequencia perdeu o clássico (1 a 0) para o São Paulo no meio da semana.

Com o resultado desse jogo de Barueri - o Palestra Itália recebe um show de rock e depois será fechado para reformas - o time do técnico Jorge Parraga soma oito pontos e assume a quinta colocação. O Prudente é o 15.º com cinco pontos.

 

Apesar de jogar na antiga casa (mudou de cidade no início do ano), o Prudente não se sentiu à vontade. Nem mesmo Flavinho, o mais habilidoso do time, conseguia acertar um simples passe de dois, três metros. Assim, o ataque foi presa fácil para os zagueiros adversários.

 

Faltou o gol. Do outro lado, o Palmeiras bem que pressionou nos primeiros minutos. Vítor, Danilo e Cleiton Xavier tentaram e foram parados pelo goleiro Márcio. A equipe ainda chegou a marcar com Maurício, mas o árbitro assinalou impedimento. Depois disso, foram raros os ataques.

 

"Criamos bastante. O Márcio pegou duas três bolas ali, mas temos que voltar melhor", analisou o atacante Ewerthon. "Por enquanto está tudo bem... Comigo. Mas a gente sabe que temos criar mais chances para o segundo tempo", respondeu o goleiro na saída para o intervalo.

 

O jogo seguiu e a dificuldade dos times atacar, também. Entregue, o Prudente esperava alguma jogada individual para chegar às redes. Ela veio com uma arrancada de Vanderlei, que tocou por cima de Marcos, mas Danilo salvou em cima da linha.

 

 PALMEIRAS 0
Marcos; Vítor, Maurício Ramos, Danilo, Gabriel Silva (Eduardo); Pierre, Márcio Araújo, Cleiton Xavier, Lincoln (Paulo Henrique); Vinícius (Ivo) e Ewerthon
Técnico: Jorge Parraga
 PRUDENTE 0
Márcio; Diego, Leonardo, Paulão, Sasha; Rodrigo Mancha    , Wesley (Tadeu), Marcelo Oliveira, João Vítor; Flavinho (Carlos Eduardo) e Vanderlei (Henrique Dias)
Técnico: Toninho Cecílio
Árbitro: Cleber Wellington Abade (SP)

Estádio: Arena Barueri, em Barueri (SP)

Pelo time mandante, Parraga ainda fez algumas alterações sem efeito. Gabriel Silva, Vinícius e mesmo Lincoln, de quem se esperava alguma coisa, deram lugar à caras ainda mais novas na equipe. A equipe se perdeu completamente e a partida permaneceu arrastada. O jovem Henrique perdeu pelo menos duas grandes oportunidades nos minutos finais.

 

Já pela sexta rodada da competição, o Palmeiras tem o clássico contra o Flamengo, no Pacaembu. Também na quarta-feira, o Prudente recebe o Atlético Goianiense.

 

Notas. +++ O ex-técnico Candinho é o novo gerente de futebol do Palmeiras. +++ A diretoria do clube nega acerta com o atacante Kléber, do Cruzeiro. +++ Márcio, Wesley, Flavinho e João Vítor são os remanescentes do Barueri. +++ O zagueiro Paulão será julgado na terça-feira pelo STJD por não cumprir um jogo de suspensão. +++

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.