Reuters
Reuters

Sem justificativa, governo russo eleva orçamento para Copa de 2018

Valor de cerca de R$ 1 bilhão sairá totalmente de um fundo federal

Estadao Conteudo

06 Fevereiro 2017 | 12h34

Sem apresentar justificativa oficial, o governo da Rússia decidiu elevar em US$ 325 milhões (cerca de R$ 1 bilhão) a sua participação no orçamento total da Copa do Mundo de 2018. Com este aporte, o orçamento vai alcançar o valor de US$ 10,8 bilhões (equivalente a R$ 33,7 bilhões).

O valor de US$ 325 milhões sairá totalmente de um fundo federal, fazendo com que os gastos do governo alcancem 55% do orçamento geral da Copa. A elevação dos custos do grande evento surpreende porque acontece justamente quando os organizadores anunciavam tentativas de reduzir os gastos.

De acordo com documento oficial, no qual consta a elevação do orçamento, os novos gastos serão dirigidos para a construção ou reforma de estruturas ligadas à Copa, sem especificar quais projetos específicos receberão os investimentos. O comitê organizador do Mundial da Rússia não comentou a elevação dos gastos.

Mais conteúdo sobre:
Russia futebol Copa do Mundo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.