Miguel Riopa/AFP
Miguel Riopa/AFP

Sem lesões na cabeça, Fernando Torres recebe alta hospitalar após choque

Atacante preocupou os torcedores na Espanha depois de sofrer um assustador choque contra o Deportivo La Coruña

Estadao Conteudo

03 de março de 2017 | 10h10

O atacante Fernando Torres, do Atlético de Madrid, recebeu alta hospitalar nesta sexta-feira, após ser internado depois de sofrer um assustador choque de cabeça durante a partida contra o Deportivo La Coruña, pelo Campeonato Espanhol, na última quinta, que o deixou inconsciente.

O Atlético de Madrid disse que os exames realizados pelo jogador não revelaram qualquer lesão ou dano provocado na sua cabeça ou no seu pescoço. Após receber alta hospitalar, o atacante declarou à imprensa espanhola que estava "tudo bem". "Tudo acabou sendo um grande susto, e estou contando os dias e horas antes que eu possa estar de volta com meus companheiros", disse.

Os médicos ordenaram Torres, de 32 anos, a aguardar 48 horas antes de participar de qualquer atividade pelo Atlético de Madrid. "Em dois dias, eu poderei treinar novamente e estar de volta", acrescentou o atacante.

Torres caiu de modo assustador e perdeu a consciência depois de se chocar com a cabeça de Alex Bergantinos, jogador do Deportivo La Coruña, aos 40 minutos do segundo tempo da partida da última quinta-feira, que terminou empatada em 1 a 1. Depois, então, ele foi atendido por alguns minutos por médicos antes de ser transferido para um hospital.

Com a determinação de ficar dois dias sem realizar atividades, Torres vai desfalcar o Atlético de Madrid na partida contra o Valencia, marcada para o próximo domingo, pelo Campeonato Espanhol. Assim, a tendência é de que ele volte a treinar na próxima semana.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.