Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Sem Marcelinho, Vasco pega Vitória no Rio

A proximidade com a zona de rebaixamento no Campeonato Brasileiro assusta os torcedores do Vasco. Neste sábado, a equipe precisa derrotar o Vitória, às 16h, em São Januário, se quiser se distanciar dos últimos colocados. Atualmente, o time carioca ocupa a 18º posição, com 29 pontos, apenas cinco de vantagem sobre o Fluminense (23º).Para piorar a situação do Vasco, o técnico Mauro Galvão não conta mais com o meia Marcelinho. O jogador aceitou uma proposta do Al-Nasser, da Arábia Saudita, e já se despediu dos ex-companheiros. Além dele, o goleiro Fábio admitiu que pode receber nos próximos dias uma proposta de um clube do exterior. O empresário do atleta, o francês Frank Henoud, o mesmo que negociou o atacante Deivid com o Bordeaux (França), vem tratando do assunto. "Converso sempre com meu procurador. Por enquanto não há nada certo, mas ele falou para eu ficar alerta", afirmou Fábio, que ainda tem três anos de contrato com o Vasco. Porém, ele frisou que só aceita deixar a equipe vascaína caso surja uma proposta de um clube europeu.Em 2003, o Vasco já negociou três estrelas do seu elenco: os meias Marcelinho e Petkovic e o atacante Marques. Além deles, também deixaram o time carioca os volantes Henrique e Siston, Léo Lima, Cadu e Souza.Ofensivo - Para a partida deste sábado, Mauro Galvão optou pelo esquema com três atacantes. E o substituto de Marcelinho será o meia Carlinhos, criado nas divisões de base do rival Flamengo. O treinador acredita no potencial do jogador e espera que ele possa municiar Régis Pitbull, Edmundo e Donizete.

Agencia Estado,

15 de agosto de 2003 | 19h18

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.