Wallace Teixeira
Wallace Teixeira

Sem Martín Silva, Vasco retoma preparação para enfrentar Avaí

Com lombalgia, goleiro uruguaio ficou fora dos trabalhos comandados pelo técnico Zé Ricardo

O Estado de S.Paulo

03 Outubro 2017 | 14h54

O elenco do Vasco se reapresentou nesta terça-feira, 3,  no Complexo Esportivo de São Januário, no Rio, para retomar os treinamentos com vistas ao próximo compromisso da equipe alvinegra pelo Campeonato Brasileiro, dia 11, em Florianópolis, diante do Avaí, pela 27.ª rodada da competição.

+ Martín Silva inicia tratamento de lombalgia para voltar contra o Avaí

Os atletas que iniciaram o jogo contra a Chapecoense (empate por 1 a 1), no último sábado, participaram de um trabalho técnico comandado pelo treinador Zé Ricardo. Os demais disputaram um jogo-treino contra a equipe sub-20. O comandante testou duas formações diferentes neste exercício.

No primeiro tempo, estavam em campo: Jordi; Lucas Rocha, Jomar, Ricardo e Alan Cardoso; Bruno Paulista, Bruno Cosendey, Guilherme Costa e Manga Escobar; Eder Luis e Thalles. Na segunda parte do jogo-treino, o time utilizado tinha: João Pedro; Bruno Ferreira, Rafael Marques, Paulão e Henrique; Andrey, Escudero, Evander e Caio Monteiro; Paulo Vitor e Thalles.

Os profissionais venceram a partida por 4 a 0. O atacante Thalles - que retornou ao time na partida contra a Chapecoense - marcou dois gols. Os meias Guilherme Costa e Evander completaram o placar.

O goleiro Martín Silva não participou da atividade porque iniciou um tratamento para lombalgia. O jogador foi cortado da seleção uruguaia para a disputa dos dois últimos jogos das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018, na Rússia, devido a uma lesão e é dúvida para a partida contra o Avaí.

O departamento médico do Vasco também deverá fazer, nesta semana, uma reavaliação do quadro do centroavante Luis Fabiano, que passou por uma artroscopia no joelho direito, realizada em agosto passado, para que o atleta possa retomar os trabalhos com bola.

O Vasco ocupa a 10.ª colocação no Brasileirão, com 33 pontos. A equipe vem de dois empates (Sport e Chapecoense) e precisa da vitória diante do time catarinense para se afastar da zona de rebaixamento. O objetivo do clube é alcançar a faixa da tabela de classificação que garante vaga na próxima edição da Copa Libertadores.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.