Sem mistérios, técnico confirma escalação do Cruzeiro

Marcelo Oliveira descartou qualquer mistério nesta sexta-feira e confirmou a escalação do Cruzeiro para o jogo de ida contra o Villa Nova, pelas semifinais do Campeonato Mineiro. O treinador poupou Ceará, mas garantiu a presença do lateral-direito no jogo de domingo, fora de casa.

AE, Agência Estado

26 de abril de 2013 | 20h17

Ceará foi poupado nesta sexta por causa de um choque com Thiago Carvalho durante atividade na sexta. O treinador, porém, destacou que conta com o jogador para o jogo do fim de semana. Assim, o Cruzeiro deve ser escalado com: Fábio; Ceará, Bruno Rodrigo, Léo e Everton; Leandro Guerreiro, Nilton, Everton Ribeiro e Diego Souza; Dagoberto e Anselmo Ramon.

Motivado pela boa campanha do invicto Cruzeiro no Estadual, Marcelo Oliveira não se esquivou da figura de favorito para o duelo de domingo. "O Cruzeiro é um candidato [ao título], por tudo o que realizou, mas precisa ratificar na fase decisiva. Estamos confiantes e fortes, não só para o Mineiro, mas para a temporada", disse o técnico.

No entanto, deixou claro que o rival preocupa. "O Villa Nova chegou por méritos, jogando bem. É um time competitivo. Tende a crescer no seu campo, por apoio da torcida e pelo fato de estar acostumado a jogar lá. Mas vamos para o jogo com muita confiança e tencionando buscar o resultado", afirmou.

CIRURGIA - Marcelo Oliveira ganhou uma má notícia nesta sexta. O volante Henrique terá que se submeter a nova operação no púbis cinco meses depois de passar por intervenção no local. Ainda sem data confirmada, a cirurgia deve ser realizada na próxima semana.

"Inicialmente, diminuímos a atividade para ver como ele responderia. Ele manteve o quadro de dor, persistente, limitando a movimentação. Nas últimas três semanas, fizemos diversos procedimentos, na tentativa de recuperá-lo, deixá-lo sem dor para que ele pudesse retomar as atividades. Mas ele manteve o quadro de dor", explicou o médico Sérgio Freire Júnior.

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCruzeirotreino

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.