Marcelo Malaquias/ EC Bahia
Marcelo Malaquias/ EC Bahia

Sem 'nada a perder', Bahia faz confronto decisivo contra o São Paulo no Morumbi

Para garantir uma vaga na Libertadores, time precisa vencer e ainda torcer por uma combinação de resultados dos rivais

Estadao Conteudo

03 de dezembro de 2017 | 08h46

Depois de diminuir o embalo e ser derrotado nas últimas duas partidas, o Bahia enfrenta o São Paulo neste domingo, às 17 horas, no estádio do Morumbi, na capital paulista, pela 38.ª e última rodada do Campeonato Brasileiro, sem nada mais a perder.

+ São Paulo recebe o Bahia em despedida de Lugano e dia de homenagens à torcida

É o que garante, ao menos, o zagueiro Tiago. Em 11.º lugar com 49 pontos, os mesmos do São Paulo, o Bahia precisa vencer e torcer por derrota do Botafogo e ao menos empates de Chapecoense e Atlético Mineiro para se classificar à Copa Libertadores - se o Flamengo conquistar a Sul-Americana, a equipe precisaria "secar" dois desses adversários.

Assim, diante de uma classificação improvável, Tiago recomenda que o time entre em campo sem nada a perder. "Temos vontade de vencer o São Paulo no Morumbi e vamos lá para isso. Não temos mais nada a perder. É o momento de ir lá, dar o melhor e aí vamos depender de outros resultados. O que a gente não pode é perder o jogo, depois as outras equipes perderem e a gente lamentar na segunda-feira: 'Poxa, se tivesse ganho do São Paulo a gente teria conseguido a vaga'. É o momento de dar o nosso melhor".

Para vencer o São Paulo, contudo, o Bahia precisará superar os desfalques do lateral-direito Eduardo e do meia Zé Rafael, além do volante Feijão, todos suspensos. É provável, assim, que Éder e Régis ganhem uma vaga no time.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.