Miguel Schincariol/São Paulo FC
Miguel Schincariol/São Paulo FC

Sem poder contar com Luciano, Diniz deve escalar Tchê Tchê contra o Athletico-PR

Equipe ensaia formação para enfrentar o Athletico-PR, em Curitiba, e conseguir se recuperar das últimas derrotas

Redação, Estadão Conteúdo

15 de janeiro de 2021 | 15h10

O técnico Fernando Diniz não deverá contar com Luciano no ataque do São Paulo, domingo, às 16h, em Curitiba, contra o Athletico-PR, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. Nesta sexta-feira, mais uma vez, o atacante ficou de fora dos treinamentos por causa de uma inflamação na perna. Correu apenas em volta do gramado do CT.

Luciano jogou pela última vez em 26 de dezembro na vitória são-paulina sobre o Fluminense, por 2 a 1, no Maracanã. Desfalcou o time contra Grêmio (Copa do Brasil), Bragantino e Santos (Brasileiro). Coincidentemente, a equipe não venceu, ao somar um empate e duas derrotas. Tchê Tchê treinou, nesta sexta-feira, e deve ficar com a vaga no setor ofensivo.

Diniz tem outras opções para escalar no ataque. Pablo, que não foi bem contra o Santos, é uma delas. Vitor Bueno também tem chances, enquanto Paulinho Boia, Tréllez, Gonzalo Carneiro, Rojas e Galeano deverão ficar no banco de reservas.

Uma certeza para o jogo em Curitiba é o retorno do zagueiro Bruno Alves, que, suspenso, não enfrentou o Santos no clássico de domingo passado. Ele vai formar dupla com Arboleda.

Após as derrotas para Bragantino (2 a 4) e Santos (0 a 1), o São Paulo teve diminuída sua vantagem na classificação geral do Campeonato Brasileiro para apenas três pontos. O time soma 56, contra 53 do Internacional.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.