Frank Augstein/ AFP
Frank Augstein/ AFP

Sem Richarlison, Everton perde invencibilidade no Inglês, mas mantém a liderança

Saldo de gols do Everton é superior ao do rival Liverpool, que venceu seu jogo no sábado

Redação, Estadão Conteúdo

25 de outubro de 2020 | 14h14

Sem Richarlison, que cumpre suspensão por ter sido expulso contra o Liverpool após entrada dura em Thiago Alcântara, o Everton sofreu sua primeira derrota na temporada. O time treinado pelo italiano Carlo Ancelotti foi superado por 2 a 0 pelo Southampton neste domingo, fora de casa, e perdeu a invencibilidade no Campeonato Inglês. O torneio não tem mais nenhuma equipe invicta.

Mesmo com o revés no St. Mary’s Stadium, em duelo válido pela sexta rodada, o Everton permaneceu na liderança graça ao saldo de gols superior em relação ao Liverpool. Os dois times têm 13 pontos, mas o líder tem saldo de cinco gols contra um do atual campeão inglês. O Southampton faz boa campanha neste início e subiu para o quinto lugar, com dez pontos.

Sem Richarlison e com James Rodríguez e Calvert-Lewin discretos, o Everton foi dominado pelo Southampton, que contou com atuação inspirada de Danny Ings para anotar os dois gols do triunfo no primeiro tempo. O atacante, acostumado a balançar as redes, deu as assistências para os dois tentos.

Ings teve uma passagem ruim pelo Liverpool e recuperou o bom futebol no Southampton, tanto que esteve na última convocação da seleção inglesa. Neste domingo, ele deu o passe para Ward-Prowse finalizar cruzado e abrir o placar aos 27 minutos, e cruzou para Adams definir o triunfo 12 minutos depois. Os anfitriões chegaram a fazer 3 a 0 na primeira etapa, mas Armstrong, que arrancou do meio-campo após lançamento, estava impedido, e o gol foi anulado.

Na etapa final, Ancelotti voltou com Bernard no lugar de Iwobi, escalado para substituir Richarlison. Os visitantes melhoraram, mas não o suficiente para buscar o empate. No final, o lateral-esquerdo Lucas Digne foi expulso depois de dura entrada em Walkers-Peters e sepultou qualquer possibilidade de o Everton reverter a desvantagem.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.