Andres Stapff/Reuters
Andres Stapff/Reuters

Sem Riquelme, Boca Juniors empata com Defensor no Uruguai

Palermo e Palacio marcam os gols do empate por 2 a 2; vitória em casa garante os argentinos nas quartas

EFE,

14 de maio de 2009 | 21h59

Sem sua principal estrela, o meia Riquelme, o Boca Juniors conseguiu um bom resultado na noite desta quinta-feira em Montevidéu ao empatar em 2 a 2 com o Defensor, e agora decide a vaga nas quartas-de-final da Copa Libertadores em Buenos Aires.

 

Veja também:

especialVisite o canal especial da Libertadores

lista Libertadores - Calendário/Resultados

especialDê seu palpite no Bolão Vip do Limão

 

Os argentinos abriram o placar logo aos dois minutos de jogo, com o artilheiro Palermo. Os uruguaios empataram aos 45, com Pablo Gaglianone.

 

Na volta do segundo tempo, o Boca, que não teve Riquelme por uma lesão no pé direito, o atacante Rodrigo Palacio voltou a colocar seu time na frente. Os argentinos acabaram cedendo o empate a sete minutos do fim, quando Rodrigo Mora marcou.

 

O vencedor do confronto enfrenta o Estudiantes de La Plata, da Argentina, que eliminou o Libertad, do Paraguai.

 

Atualizado às 23h51 para acréscimo de informação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.