Sem técnico, Bragantino derrota o Oeste e se reabilita na Série B

Time paulista ainda não encontrou substituto para Marcelo Veiga

AE, Agência Estado

23 de maio de 2014 | 21h56

BRAGANÇA PAULISTA - Mesmo com técnico interino - o gerente André Gaspar no lugar de Marcelo Veiga, que se transferiu para a Portuguesa -, o Bragantino conseguiu a reabilitação no Campeonato Brasileiro da Série B ao vencer o Oeste por 3 a 0, nesta sexta-feira, no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP), na abertura da sétima rodada.

O time da casa vinha de três derrotas seguidas - América-MG, Luverdense e Icasa - e agora aparece com oito pontos, em 11.º lugar, subindo sete posições e saindo da zona de rebaixamento. O time de Itápolis fica com seis pontos, em 16.º, bem perto da zona de degola.

O Bragantino começou a partida pressionando o adversário e em dois minutos já havia desperdiçado duas chances claras para marcar. O time de Itápolis (SP) no primeiro tempo não chegou uma vez sequer perto da área e se preocupou apenas em se defender. Ao contrário do adversário, que pressionava e buscava a reabilitação.

De tanto lutar o time da casa chegou ao gol aos 34 minutos. Depois de cobrança de falta, Yago surgiu entre os zagueiros e cabeceou firme para o chão fazendo 1 a 0.

O segundo tempo não mudou e o time de Bragança Paulista seguiu superior. Foi desperdiçando chances, enquanto que o Oeste nem ameaçava. Com isso, os mandantes chegaram ao segundo gol logo aos dois minutos. Robertinho cruzou da direita e Luiz Eduardo desviou de cabeça, mas Paes fez a defesa parcial. Yago apareceu sozinho e de perna esquerda só empurrou.

Jogando melhor, o terceiro gol do Bragantino saiu aos 45 minutos. Magno Cruz lançou em diagonal Samuel Santos e o lateral-direito apareceu sozinho na frente de Paes e tocou na saída do goleiro. Na comemoração, ele tirou a camisa e recebeu o cartão amarelo. Antes do fim do jogo, o lateral-direito Erick jogou a bola em Luizinho e foi expulso de campo.

Na próxima terça-feira, pela oitava rodada, o Bragantino vai de novo atuar em casa, desta vez diante do Vasco, a partir das 21h50. Do outro lado, o Oeste vai tentar a reabilitação diante do ABC, no mesmo horário, em Natal.

FICHA TÉCNICA

BRAGANTINO 3 x 0 OESTE

BRAGANTINO - Renan; Robertinho, Yago, Luiz Eduardo e Bruno Recife; Francesco, Gustavo e Danilo Bueno (Magno Cruz); Cesinha (Luisinho), Léo Jaime (Samuel Santos) e Tássio. Técnico: André Gaspar (interino).

OESTE - Paes; Eric, César Gaúcho (Ligger), Henrique Matos e Denis; Leandro Melo (Jheimy), Everton Dias, João Denoni e Helton Luís; Diogo Acosta e André Luiz (Vagninho). Técnico: José Macena.

GOLS - Yago, aos 34 minutos do primeiro tempo; Yago, aos 2, e Samuel Santos, aos 45 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Luisinho e Samuel Santos (Bragantino); Ligger (Oeste).

CARTÃO VERMELHO - Eric (Oeste).

ÁRBITRO - Antônio Rogério Batista do Prado (SP).

RENDA - R$ 6.870,00.

PÚBLICO - 690 pagantes.

LOCAL - Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista (SP).

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSérie BBragantinoOeste

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.