Vitor Silva/Botafogo
Vitor Silva/Botafogo

Perto da zona da degola, Botafogo encara lanterna Goiás por respiro na tabela

Time carioca tenta se afastar da parte debaixo da tabela, enquanto goianos tentam deixar a última posição

Redação, Estadão Conteúdo

19 de outubro de 2020 | 08h18

Não há possibilidade de o Botafogo entrar na zona de rebaixamento neste rodada. Mas o time pode ser o primeiro fora da zona da degola. Com apenas dois pontos acima da temida região da tabela, e figurando no 15° lugar, a ordem é superar o Goiás, às 20 horas desta segunda-feira, no Engenhão, para ganhar um respiro na classificação do Brasileirão.

Depois de passar 10 jogos sem vitórias e afundado entre os piores, o Botafogo conseguiu um alívio ao bater Palmeiras e Sport em sequência. Quando imaginava engrenar de vez, caiu no Sul diante do Grêmio e voltou a ficar em situação delicada por causa de combinação ruim de resultados.

A obrigação de ganhar do lanterna não significa, contudo, que a equipe vai sair com tudo para cima. O Goiás quase surpreendeu o Flamengo no Maracanã e o jogo está servindo de alerta. Na oportunidade, o time rubro-negro só conseguiu a virada no último lance do jogo.

Bruno Lazaroni cobrará atenção para não haver surpresas nos contragolpes. Nada de também sair atrás do placar, como o Flamengo. Quer evitar pressão desnecessária. Pretende um Botafogo seguro e eficaz.

Ausentes na derrota para o Grêmio, por 3 a 1, o zagueiro Marcelo Benevenuto e o volante Rafael Forster retornam após cumprirem suspensão. E reassumem a posição de titular.

O meia Bruno Nazário está recuperado de lesão no tornozelo e pronto para voltar. Ele ainda não entrou em campo sob o comando de Lazaroni. Espera ser aproveitado diante do Goiás, ao menos como opção.

O goleiro Gatito Fernández voltou da seleção paraguaia com um edema ósseo no joelho direito e não entra em campo no Engenhão. Diego Cavalieri segue no time titular. O marfinense Salomon Kalou é outro desfalque de Lazaroni. O atacante está com problema muscular na coxa direita.

Em 15º, o Botafogo soma 18 pontos na classificação, diante de 16 de Bahia e Athletico-PR. Os baianos também jogam nesta segunda-feira e podem superar os cariocas, enquanto os paranaenses, primeiros na degola, já atuaram na rodada.

Na lanterna

Na lanterna do Campeonato Brasileiro e sem vencer há seis jogos, o Goiás tenta se recuperar, mas terá desfalques para o duelo com o Botafogo. Expulso na última rodada por ter discutido com Mano Menezes, o técnico Enderson Moreira cumpre suspensão, e o Goiás será comandado pelo auxiliar Luis Fernando Flores. Além disso, o atacante Rafael Moura cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo.

A tendência é que o time não tenha muitas mudanças em relação à equipe que empatou com o Bahia por 1 a 1, com a exceção da entrada do centroavante Fernandão, que jogou a última partida e deve atuar pela primeira vez como titular.

O departamento médico segue cheio, com Yago Rocha, Gilberto, Sandro, Mike, Victor Andrade, Quevedo e Lucão do Break, todos fora de combate. Desta forma, o Goiás deve entrar em campo nesta segunda com Tadeu; Edílson, David Duarte, Fábio Sances e Caju; Ratinho, Ariel Cabral e Shaylon; Keko, Rafael Moura e Vinícius.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.