Sem Tinga e Guiñazu, Roth testa Taison no Internacional

Sem poder contar com Guiñazu e Tinga, o técnico Celso Roth mudou o time do Internacional durante o treino desta segunda-feira e promoveu a entrada de Taison na equipe que vai enfrentar o Guarani, quarta-feira, em Campinas, na volta do Campeonato Brasileiro.

AE, Agência Estado

12 de julho de 2010 | 22h33

Roth escalou Taison na atividade ao mudar a formação tática do Inter. Manteve o 4-5-1, mas tirou um dos volantes e acrescentou um meia. Taison jogará ao lado de Giuliano, D''Alessandro, enquanto Sandro e Wilson Matias jogarão mais atrás.

O treinador tomou a decisão porque não poderá escalar Guiñazu, com dores musculares, e Tinga, que ainda não foi liberado para jogar. O atacante Alecsandro jogará isolado no setor ofensivo. Durante o coletivo, Andrezinho entrou no lugar de Giuliano.

Dessa forma, Roth escalou a equipe titular no treino com Abbondanzieri; Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Sandro, Wilson Matias, Giuliano, D''Alessandro e Taison; Alecsandro.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.