Fernando Bizerra/AFP
Fernando Bizerra/AFP

Sem títulos há oito anos, São Paulo perde o 33º campeonato seguido

Neste período, equipe do Morumbi conseguiu chegar em apenas uma final de Paulista e caiu diante de diversos clubes de menor expressão

Daniel Batista, O Estado de S.Paulo

05 de novembro de 2020 | 10h15

Dos chamados 12 grandes clubes do Brasil, o São Paulo é o que está há mais tempo sem conquistar um título. O time do Morumbi foi campeão da Copa Sul-Americana em 2012. Desde então, coleciona decepções e vexames. Nesta quarta-feira, a equipe foi eliminada pelo Lanús na Sul-Americana, chegou ao 33º campeonato seguido sem título, sendo o 25º no sistema de mata-mata.

Neste período, o São Paulo chegou em apenas uma final de torneio. Foi a decisão do Paulistão do ano passado, contra o Corinthians. A equipe disputou outras duas decisões, da Recopa Sul-Americana e Copa Suruga, mas nas duas competições, havia apenas dois times na tabela: o próprio São Paulo e os times que foram campeões, Corinthians e Kashima Antlers, respectivamente. Em 2014, o time do Morumbi foi vice-campeã do Brasileirão. A fila sem conquistas é longa e incomoda o torcedor.

Em 2017, o São Paulo conquistou a Florida Cup, nos EUA, mas era uma competição amistosa e de preparação para a temporada. Dos 33 torneios sem vencer, o time parou diante de vários rivais de menor tradição e que foram grandes surpresas, como Penapolense, Bragantino, Osasco Audax, Juventude, Defensa y Justicia, Colón, Talleres, Mirassol e o próprio Lanús, da Argentina. O presidente do clube, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, assumiu o comando da equipe em 2015 e deixará o cargo no fim deste ano. Logo, terminará o mandato sem conquistar títulos.

Lista de eliminações do São Paulo nos últimos oito anos

2013

  • Campeonato Paulista: Semifinal (Corinthians)
  • Copa Libertadores: Oitavas de final (Atlético-MG)
  • Recopa Sul-Americana: Final (Corinthians)
  • Copa Suruga: Final (Kashima Antlers-JAP)
  • Copa Sul-Americana: Semifinal (Ponte Preta)
  • Brasileirão: ficou na 9ª  colocação

 2014

  • Campeonato Paulista: Quartas de final (Penapolense)
  • Copa do Brasil: Terceira Fase (Bragantino)
  • Copa Sul-Americana: Semifinal (Atlético Nacional-COL)
  • Brasileirão: Vice-campeão

2015

  • Campeonato Paulista: Semifinal (Santos)
  • Copa Libertadores: Oitavas de final (Cruzeiro)
  • Copa do Brasil: Semifinal (Santos)
  • Brasileirão: quarto colocado

2016

  • Campeonato Paulista: Quartas de final (Osasco Audax)
  • Copa do Brasil: Oitavas de final (Juventude)
  • Copa Libertadores: Semifinal (Atlético Nacional-COL)
  • Brasileirão: 10º colocado

2017

  • Copa Sul-Americana: Primeira Fase (Defensa y Justicia-ARG)
  • Campeonato Paulista: Semifinal (Corinthians)
  • Copa do Brasil: Quarta Fase (Cruzeiro)
  • Brasileirão: 13ª colocação 

2018

  • Campeonato Paulista: Semifinal (Corinthians)
  • Copa Sul-Americana: Segunda Fase (Colón-ARG)
  • Copa do Brasil: Quarta Fase (Athletico-PR)
  • Brasileirão: Quinto lugar

2019

  • Campeonato Paulista: Final (Corinthians)
  • Copa Libertadores: Fase Preliminar (Talleres-ARG)
  • Copa do Brasil: Oitavas de final (Bahia)
  • Brasileirão: sexto colocado

 2020

  • Campeonato Paulista: Quartas de final (Mirassol)
  • Copa Libertadores: Fase de grupos
  • Copa Sul-Americana: Segunda Fase (Lanús-ARG)

 

Tudo o que sabemos sobre:
futebolSão Paulo Futebol Clube

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.