Vinnicius Silva/Cruzeiro
Vinnicius Silva/Cruzeiro

Sem vencer há oito jogos, Cruzeiro volta a escalar reservas contra o Athletico-PR

São apenas dez pontos em 11 rodadas da competição nacional e um 16º lugar que obviamente incomoda a torcida

Redação, Estadão Conteúdo

27 de julho de 2019 | 13h44

O jejum de vitórias do Cruzeiro já chegou a oito jogos e o flerte com a zona de rebaixamento tem sido constante no Campeonato Brasileiro. A situação, entretanto, não parece causar comoção no técnico Mano Menezes, que novamente deve optar por uma equipe inteiramente reserva no compromisso diante do Athletico-PR, neste sábado, às 19h, no Mineirão.

São apenas dez pontos em 11 rodadas da competição nacional e um 16º lugar que obviamente incomoda a torcida, mas o foco de momento é na Copa Libertadores, na qual o clube volta a jogar na próxima terça-feira, contra o River Plate, na partida de volta das oitavas de final - na ida, empate por 0 a 0.

Quem tem participado constantemente das últimas partidas do Cruzeiro é David. Fosse entrando de início ou no decorrer dos jogos de Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores, o atacante participou de todas as cinco partidas da equipe na retomada após a pausa para a Copa América.

"A gente sabe que precisa vencer. Trabalhamos para isso com firmeza. O Mano está trabalhando bastante, nos dando confiança e agora vem me dando sequência. Espero evoluir cada dia mais e entro mais confiante, ligado", afirma o jogador, que veio da base do Vitória e está no clube desde o ano passado.

David projeta o adversário na mesma posição, uma vez que também tem compromisso decisivo pela Libertadores no meio da próxima semana - joga contra o Boca Juniors, em Buenos Aires. "Eles também estão focados na Libertadores. São campeonatos diferentes, pensamos em vencer, e estamos precisando dessa vitória", aponta o atacante de 23 anos.

Ele deve formar dupla de ataque com o veterano Fred, que apesar de ser o artilheiro do time em 2019 com 16 gols, não marca há 12 jogos, desde a vitória sobre o Deportivo Lara, pela fase de grupos da Libertadores, em 23 de abril.

O camisa 9 cruzeirense participou de atividades de campo duas vezes, na quinta e na sexta-feira, e estará na equipe predominantemente jovem preparada por Mano Menezes - que na sexta-feira completou três anos no comando do time mineiro - para o duelo com os paranaenses.

A entrada de Fred deve ser a única alteração em relação à escalação do empate em 0 a 0 diante do Bahia, em Salvador, no último sábado. Naquele compromisso, válido pela 11ª rodada do Brasileirão, Sassá estava no comando de ataque e desta vez deverá ficar entre os suplentes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.