Cesar Greco/ Divulgação
Cesar Greco/ Divulgação

Sem Vitor Hugo e com Gabriel Jesus, Oswaldo define o Palmeiras

Técnico faz duas alterações na equipe para estreia no Brasileiro

DANIEL BATISTA, O Estado de S.Paulo

07 de maio de 2015 | 12h05

O técnico Oswaldo de Oliveira demonstrou, durante treinamento nesta quinta-feira, na Academia de Futebol, que não parece estar muito satisfeito com a defesa do Palmeiras. E acabou sobrando para Vitor Hugo. O defensor foi sacado do time titular, com Jackson entrando em seu lugar. Outra novidade foi a presença do atacante Gabriel Jesus entre os titulares. Valdivia foi confirmado para o jogo contra o Atlético-MG, sábado, no Allianz Parque, pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro.

Após pouco mais de uma hora de conversa com a comissão técnica e a diretoria, o elenco palmeirense foi para o gramado, onde Oswaldo comandou um coletivo. O time titular teve a seguinte formação: Fernando Prass; Lucas, Jackson, Victor Ramos e Zé Roberto; Gabriel, Robinho, Valdivia, Dudu e Rafael Marques; Gabriel Jesus.

Durante a atividade, o treinador também testou o time simulando uma situação em que um atleta tenha sido expulso. Ele tirou Jackson do time, recuou Gabriel, colocou Valdivia na lateral e Zé Roberto no meio. Oswaldo gritou bastante no decorrer do treino, principalmente com os atletas do time reserva, pedindo para eles pressionarem a saída de bola e aproveitarem o fato de contarem com um jogador a mais.

Leandro Pereira ficou na academia fazendo fortalecimento muscular e é dúvida para a partida, assim como Cristaldo, que voltou a sentir dores no pé. Embora tenha chance de ser titular, Gabriel Jesus não deve ter sequência na equipe. Na segunda-feira, ele já viaja para se apresentar à seleção brasileira Sub-20, que iniciará a preparação para o Mundial.

O último treino antes da partida contra o Atlético-MG está marcado para a manhã desta sexta-feira, na Academia de Futebol.

Notícias relacionadas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.