Lucas Figueiredo/CBF
Lucas Figueiredo/CBF

Sequência sem levar gols no Palmeiras faz Weverton sonhar com seleção

Goleiro confia em boa fase no clube para voltar a ter chances com o técnico Tite nas próximas convocações

O Estado de S. Paulo

30 Agosto 2018 | 11h00

Há nove jogos sem tomar gols e perto de quebrar recorde no Palmeiras, o goleiro Weverton voltou a alimentar o sonho de defender a seleção brasileira. O jogador disse nesta quarta-feira ter como objetivo voltar a ser lembrado pelo técnico Tite após ter perdido espaço nas listas a partir do segundo semestre de 2017 e ficar fora da convocação para a Copa do Mundo.

"A seleção é o ápice de todos os jogadores de futebol. Para mim, não é diferente, mas sei que, para eu chegar, eu tenho de ter um bom desempenho aqui. Óbvio que ficaria feliz com um retorno, mas tudo passa pelo meu desempenho aqui", afirmou Weverton. O titular do Palmeiras estará em campo nesta quinta-feira para o jogo contra o Cerro Porteño, do Paraguai pelas oitavas de final da Copa Libertadores.

Weverton defendeu o Brasil na campanha do ouro olímpico nos Jogos do Rio, em 2016, e integrou as listas de Tite até 2017. No Palmeiras ele começou o ano como terceira opção e desfruta agora de um bom momento, ao estar nove partidas sem tomar gols e perto da marca de 12 jogos sem ser vazado, recorde obtido por Zetti entre abril e maio de 1987.

"Quando o goleiro passa muito tempo sem tomar gols, as pessoas costumam dar os créditos para o goleiro, mas o goleiro não joga sozinho. Nós precisamos de todos. Temos de dar parabéns a todos da equipe", comentou Weverton. Se ele não tomar gol do Cerro Porteño, a equipe estará classificada, pois na partida de ida ganhou por 2 a 0, em Assunção.

 

 

Mais conteúdo sobre:
futebol Palmeiras Weverton

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.