Serra recebe da CBF caderno de encargos para Copa 2014

Em busca de mais apoio para a Copa de 2014, o presidente da CBF, Ricardo Teixeira, se reuniu nesta quarta-feira com o governador de São Paulo, José Serra, para entregar um caderno de encargos para que o Estado possa receber alguns dos jogos da competição.Além deles, esteve presente na reunião no Palácio dos Bandeirantes o presidente da Federação Paulista de Futebol (FPF), Marco Polo del Nero, que se comprometeu a trabalhar ao lado de Serra para que São Paulo possa ter um estádio dentro das normas exigidas pela Fifa."Será muito bom ter a Copa aqui. São Paulo, em especial, está disposto a colaborar para ajudar o Brasil a ser escolhido pela Fifa", contou Serra, que também pediu para que o Estado recebesse o jogo de abertura ou de encerramento do Mundial."São Paulo terá o maior prazer de acolher as partidas, mas temos que nos adequar para isso. Por isso, estamos criando uma comissão estadual para tratar deste tema", anunciou Serra. Por sua vez, o presidente da CBF não quis adiantar se o Morumbi será um dos estádios do Mundial. Para Teixeira, o campo do São Paulo não está dentro dos padrões da Fifa. O mais provável é que o Estado tenha de construir uma arena para poder sediar a competição.O governo de São Paulo tem até o dia 31 de maio para enviar à CBF as respostas ao caderno de encargos da Fifa. Serra não descartou a possibilidade de construção de novos estádios no Estado, caso o Brasil seja a sede da Copa. Entretanto, deixou claro que a decisão da construção é da CBF e da Fifa. "As hipóteses estão em aberto", afirmou o governador.Na última terça-feira, Teixeira havia se reunido com mais dois governadores: Yeda Crusius, do Rio Grande do Sul, e Luiz Henrique da Silveira, de Santa Catarina.A Fifa divulgará a decisão sobre a sede da Copa 2014 no próximo mês de novembro. A Colômbia é a adversária na disputada. No começo desta semana, a CBF promoveu o lançamento oficial da candidatura brasileira, utilizando, inclusive, os amistosos do País na Suécia.Palmeiras pode ser campeão do mundoTeixeira aproveitou o encontro para dar uma boa notícia ao palmeirense José Serra. A Fifa deve reconhecer ainda nesta semana o clube de Palestra Itália como o primeiro campeão mundial de clubes da história. Segundo o presidente da CBF, o caminho está "bem adiantado".O título que será reconhecido pela Fifa é o da Copa Rio de 1951, quando o Palmeiras venceu a Juventus, da Itália, em dois jogos: 1 a 0 e 2 a 2. (Colaborou Valéria Zukeran)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.