Sertãozinho arranca empata no final com São Caetano

Em partida emocionante com dois gols nos cinco minutos finais, o São Caetano perdeu grande chance de assumir a terceira posição isolada no Campeonato Paulista. O time empatou com o Sertãozinho por 2 a 2, na noite deste sábado, no Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul, pela 13.ª rodada. O resultado mantém a equipe do ABC no quarto lugar, agora com 24 pontos. Já os visitantes, mesmo somando um ponto fora de casa, seguem ameaçados pelo rebaixamento, no 17.º lugar com dez. Superior tecnicamente, o Azulão não teve dificuldades para impor seu futebol e criou várias oportunidades. Já o Sertãozinho praticamente não chegou ao ataque. O primeiro gol saiu em uma jogada de bola parada. Aos 31, o meia Douglas cobrou escanteio pela direita e a bola sobrou para o zagueiro Maurício completar na segunda trave. Na segunda etapa, os visitantes voltaram mais acesos e passaram a dominar o jogo, principalmente após as entradas de Marlon e Paulo Santos. Depois de criar várias chances, o Sertãozinho chegou ao empate aos 30. Após bola levantada pela esquerda, o zagueiro Diguinho ajeitou de cabeça e Paulo Santos pegou de primeira, acertando o canto esquerdo do goleiro Luiz. Mas o melhor estava reservado para o fim. Aos 41, Luiz Henrique aproveitou falha da defesa visitante e deu a vitória ao time do ABC. Quando o jogo parecia caminhar para vitória dos donos da casa, Dic escorou cruzamento da esquerda e deixou tudo igual novamente aos 46. No próximo sábado, às 18h10, o São Caetano volta a campo para enfrentar o América, no Estádio Anacleto Campanella, no ABC. O Sertãozinho receberá o Palmeiras, no domingo, às 18h10, no Estádio Frederico Dalmazzo.SÃO CAETANO 2 x 2 SERTÃOZINHOSão Caetano - Luiz; Paulo Sérgio, Maurício, Thiago e Triguinho; Marabá, Luis Maranhão, Ademir Sopa (Galiardo) e Douglas (Leandro Lima); Luiz Henrique e Somália (Marcelinho). Técnico: Dorival Júnior. Sertãozinho - Bruno; Ricardo Lopes, Diguinho, Éder Gaúcho e Jailson; Emerson, Dic, Ceará (Marlon) e Fabiano Souza (Paulo Santos); Márcio Mixirica e Cris (Alex Terra). Técnico: Barbieri. Gols - Maurício aos 31 minutos do primeiro tempo. Paulo Santos, aos 30, Luiz Henrique, aos 41, e Dic, aos 46 minutos do segundo tempo. Árbitro - Luciano Calabietto Quilichini Cartão amarelo - Luís Maranhão, Éder Gaúcho, Leandro Lima e Luiz Henrique. Renda - R$ 9.758,00. Público - 743 pagantes. Local - Estádio Anacleto Campanella, em São Caetano do Sul (SP).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.