Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians
Daniel Augusto Jr./ Agência Corinthians

Sevilla rejeita proposta do Corinthians por Guilherme Arana

Time alvinegro ofereceu R$ 34 milhões para ser pago em quatro anos

João Prata, O Estado de S.Paulo

30 de janeiro de 2019 | 16h09

O Sevilla não aceitou a proposta do Corinthians pelo lateral-esquerdo Guilherme Arana. Segundo o Estado apurou, o clube espanhol rejeitou a proposta mais recente enviada pela diretoria do time alvinegro.

O Corinthians monitora desde o final do ano passado o jogador que vem sendo pouco aproveitado no clube espanhol. De início, tentou o empréstimo até o final do ano. Mas o Flamengo entrou na disputa e fez uma proposta para contratá-lo em definitivo.

O clube paulista se manteve na briga e ofereceu uma proposta pela contratação no valor de 8 milhões de euros (R$ 34 milhões). A diretoria chegou a acertar salários com Arana. O presidente Andrés Sanchez afirmou por algumas vezes que, se voltasse ao Brasil, o lateral-esquerdo atuaria pelo time paulista. Na coletiva após a vitória sobre a Ponte Preta no sábado, informou que o clube e o jogador estavam próximos de acerto.

O Sevilla estava disposto a negociá-lo pelos 8 milhões de euros. Vale lembrar que o time espanhol contratou o jogador do Corinthians em dezembro de 2017 por 10 milhões de euros (R$ 38,8 milhões na cotação da época). O que emperrou o acordo foi a forma de pagamento proposta pelo time alvinegro. A ideia era dividir o pagamento em quatro vezes, sendo a entrada somente no início de 2020.

Os detalhes da proposta foram apresentados à diretoria do Sevilla nesta quarta-feira em reunião com agentes que cuidam da carreira de Arana. O lateral-esquerdo é reserva de Sergio Escudero no time espanhol e está relacionado para o jogo de hoje, contra o Barcelona, pela Copa do Rei

Tudo o que sabemos sobre:
futebolCorinthiansGuilherme Arana

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.